Atual

Árvore genealógica da família real. As mudanças na linha de sucessão agora que Carlos é rei

A morte da rainha instigou o primeiro salto em frente da linha de sucessão das últimas sete décadas.

Membros da família real britânica durante o desfile Trooping The Colour a 8 de junho de 2019, Londres
Membros da família real britânica durante o desfile Trooping The Colour a 8 de junho de 2019, Londres Foto: Getty Images
09 de setembro de 2022 Máxima

Com a subida ao trono do rei Carlos III, a linha de sucessão da família real dá o primeiro salto em frente das últimas sete décadas. Da mesma forma que uma jovem princesa Isabel se tornou rainha aquando da morte do seu pai, o rei George VI, em 1952, o seu filho mais velho assume agora a coroa, herdando os títulos e as propriedades.

É um papel pelo qual esperou toda a sua vida. No entanto, com 72 anos, o mais duradouro herdeiro legítimo será também a pessoa mais velha a ser coroada na história britânica. Como tal, o seu reinado será relativamente curto. A sua mãe, a rainha Isabel II, foi a monarca reinante mais duradoura da Grã-Bretanha, guiando o país durante de um período de incríveis mudanças, mantendo simultaneamente o mais profundo afecto do seu povo. Sendo filha de um "suplente" real, pensava-se ser pouco provável que a falecida soberana viesse um dia a reinar. Contudo, quando o seu tio, o rei Edward VIII abdicou a favor do irmão em 1936, Isabel tornou-se herdeira do trono aos 11 anos e rainha aos 25.

Isabel II e o duque de Edimburgo no dia da sua coroação, 1953
Isabel II e o duque de Edimburgo no dia da sua coroação, 1953 Foto: Getty Images

A sua morte, aos 96 anos, dá origem a uma nova era, na qual Carlos tentará incutir a sua própria visão ao papel de rei, enquanto aproveita a popularidade e o apoio de que a rainha desfrutava. O príncipe William, atual herdeiro do trono, e a sua mulher, a duquesa de Cambridge, assumirão papéis públicos quando vez mais importantes enquanto ajudam Sua Majestade a conduzir a monarquia rumo a uma nova era. A instituição mudou dramaticamente nos últimos anos, com a mudança do duque e da duquesa de Sussex para o estrangeiro e o afastamento efetivo do duque de York da vida pública. No entanto, ambos os duques conservam os seus lugares na linha de sucessão, que só poderá ser alterada por um Decreto Parlamentar.

A última alteração legislativa ocorreu em 2013, abolindo a descriminatória prevalência masculina para os bebés nascidos após 28 de outubro de 2011 e criando igualidade de género. Em termos históricos, a princesa Charlotte teria perdido o seu lugar na linha de sucessão em prol do seu irmão mais novo, mas as alterações garantiram que tal não aconteceria. A série de nascimentos reais dos últimos anos fez os membros mais velhos da família real descerem um degrau na escada, mas a morte da rainha fê-los subi-lo novamente. O príncipe Harry encontra-se agora em quinto lugar, com o seu primogénito, Archie, em sexto e a sua filha mais nova, Lilibet, em sétimo. Por outro lado, o príncipe André, é agora o oitavo na linha de sucessão.

Segundo a nova legislação, as seis primeiras pessoas na linha de sucessão devem obter autorização do monarca para se casarem. Antigamente, segundo uma lei datada de 1772, todos os descendentes de George II tinham de obter permissão. O decreto também pôs fim às estipulações segundo as quais aqueles que escolherem casar-se com praticantes do catolicismo romano eram afastados da linha de sucessão.

A linha de sucessão

O rei Carlos subiu ao trono, tornando-se rei do Reino Unido e dos Reinos da Commonwealth. Mas o que acontecerá quando ele morrer e quem irá substitui-lo? Esta é a nova linha de sucessão após a morte da rainha:

1. Duque de Cambridge

Filho mais velho do herdeiro, o príncipe William irá, um dia, suceder ao seu pai como rei. Atualmente com 40 anos, poderá ter de esperar cerca de 30 caso o seu pai desfrute da mesma longevidade que outros membros da família real.

Kate e William, nas Bahamas.
Kate e William, nas Bahamas. Foto: Getty Images

2. Príncipe George

O primogénito do duque e da duquesa de Cambridge, de nove anos, irá um dia ser o rei George VII, o que significa ser pouco provável que alguma pessoa hoje viva venha a ver outra rainha no trono durante o seu tempo de vida.

3. Princesa Charlotte

A irmã do príncipe George, de sete anos, é a "herdeira suplente" e enfrentará os mesmos problemas enfrentados pelo príncipe Harry e pelo duque de York nas suas tentativas de encontrar o papel certo para a sua vida, constrangida pelo título real. Só poderá tornar-se rainha se o príncipe George morrer antes dela, sem deixar filhos vivos.

As mudanças introduzidas na lei da sucessão em 2013 significam que o sexo do bebé será irrelevante para o lugar por si ocupado na linha de sucessão. A princesa Charlotte é a primeira princesa real nascida na linha direta de sucessão desde a Princesa Real, em 1950, e é provável que um dia venha a herdar este título, tradicionalmente conferido à filha mais velha do monarca.

Kate e William levam George e Charlotte à escola Thoma's Bettersea, 5 de setembro de 2019
Kate e William levam George e Charlotte à escola Thoma's Bettersea, 5 de setembro de 2019 Foto: Getty Images

4. Príncipe Louis

O nascimento do terceiro filho do duque e da duquesa de Cambridge voltou a alterar a linha de sucessão. O irmão de quatro anos do príncipe George e da princesa Charlotte é agora o quarto na linha de sucessão.

Princípe Louis com a mãe e a irmã, a princesa Charlotte.
Princípe Louis com a mãe e a irmã, a princesa Charlotte. Foto: Getty Images

5. Duque de Sussex

Homem de ação, o príncipe Harry, de 37 anos, passou a maior parte da sua vida a ser o terceiro na linha de sucessão ao trono, atrás do pai e e do irmão, antes de descer de lugar após os nascimentos dos seus sobrinhos e sobrinha. O seu primogénito, Archie, tornou-se o sétimo na linha de sucessão ao trono em 2019 e agora subiu para sexto lugar.

Meghan Markle e príncipe Harry na entrevista com Oprah Winfrey
Meghan Markle e príncipe Harry na entrevista com Oprah Winfrey Foto: D.R

6. Archie Harrison Mountbatten-Windsor

O filho de três anos de Meghan e Harry é o terceiro na linha de sucessão ao trono.

Meghan Markle com o filho Archie.
Meghan Markle com o filho Archie. Foto: D.R

7. Lilibet Diana Mountbatten-Windsor

A segunda filha de Harry e Meghan, Lilibet Diana Mountbatten-Windsor, foi a 11ª bisneta da rainha aquando do seu nascimento, em Junho do ano passado, tendo sido a primeira a nascer no estrangeiro. A gravidez de Meghan impediu-a de visitar até ao Reino Unido para o funeral do duque de Edimburgo em abril de 2021.

Celebração do 1º aniversário de Lilibet
Celebração do 1º aniversário de Lilibet Foto: @misanharriman

 8. O Duque de York

Outrora segundo na linha de sucessão ao trono, o príncipe André, de 62 anos, está agora tão abaixo na lista que já não faz parte da família real "nuclear".

Foi obrigado a afastar-se dos deveres públicos após a entrevista que concedeu à Newsnight sobre a sua relação com o falecido pedófilo Jeffrey Epstein em novembro de 2019. Também acedeu a devolver as suas patentes militares e privilégios reais e a deixar de usar o título de Sua Alteja Real em janeiro de 2022, depois de as suas tentativas de impedir o seu processo judicial por agressão sexual fracassarem.

Isabel II acompanhada pelo filho príncipe André no serviço de ação de graças dedicado ao príncipe Philip
Isabel II acompanhada pelo filho príncipe André no serviço de ação de graças dedicado ao príncipe Philip Foto: Getty Images

9. Princesa Beatrice

A princesa Beatrice enfrentou o problema de combinar um título real com a necessidade de arranjar trabalho. Depois de se demitir do seu emprego na Sony Entertainment Pictures, que lhe pagava 20 mil libras por ano, em 2014, gozou quatro férias em pouco mais de um mês. No entanto, a princesa de 34 anos, que foi o primeiro membro da família real a correr numa maratona em 2010, licenciou-se em história e história das ideias em Goldsmiths College, Londres, e é vice-presidente de parcerias e estratégia da empresa de tecnologia Afiniti desde 2016.

Além de continuar a dedicar o seu tempo a obras de caridade, casou-se com Edoardo Mapelli Mozzi em julho de 2020, na Royal Chapel of All Saints, na Royal Lodge, em Windsor. O casal teve o seu primeiro bebé, uma filha, em setembro do ano passado.

Príncipe André, duque de York, ao lado da filha, a princesa Beatrice.
Príncipe André, duque de York, ao lado da filha, a princesa Beatrice.

10. Sienna Elizabeth Mapelli Mozzi

A bebé é a a primeira filha da princesa Beatrice, embora Mapelli Mozzi tenha um filho pequeno, Christopher Woolf Mapelli Mozzi, de um casamento anterior. Sienna tornou-se a 11ª na linha de sucessão ao trono quando nasceu – fazendo o resto da família, incluindo a irmã de Beatrice, a princesa Eugenie, descer um degrau – e agora subiu para 10º lugar.

11. Princesa Eugenie

A filha mais nova do duque de York, de 32 anos, estudou história da arte na Universidade de Newcastle e é diretora da galeria de arte Hauser & Wirth. Teve o seu primeiro filho, August, em fevereiro do ano passado, com o seu marido, Jack Brooksbank, um executivo do negócio das bebidas. Casaram-se em Windsor Castle em outubro de 2018.

A princesa Eugenie é a 11ª na linha de sucessão ao trono
A princesa Eugenie é a 11ª na linha de sucessão ao trono

12. August Brooksbank

A princesa Eugenie, de 32 anos, teve o seu primeiro filho a 9 de fevereiro de 2021. Deu à luz no hospital privado Portland Hospital, no centro de Londres, acompanhada pelo seu marido, Jack Brooksbank. O seu filho, August, foi o nono bisneto da rainha e o primeiro neto do duque e da duquesa de York.

Princesa Eugenie com o filho August Brooksbank, junho de 2022
Princesa Eugenie com o filho August Brooksbank, junho de 2022 Foto: Getty Images

13. Conde de Wessex

Depois de não ter concluído a formação de comandos nos Royal Marines, o príncipe Edward, de 57 anos, tornou-se um estudo de caso das dificuldades de tentar ganhar a vida quando se é filho da rainha.

Organizou o constrangedor Grand Knockout Tournament (mais conhecido como It's a Royal Knockout) em 1987, e depois dedicou-se à sua carreira como produtor de TV, mas provocou a ira do seu irmão, o príncipe de Gales, quando uma equipa de filmagens por si contratada infringiu, inadvertidamente, os termos de um acordo para não incomodar o príncipe William enquanto este frequentava a universidade. Agora trabalha como membro da família real a tempo inteiro.

Príncipe Edward com Isabel II no Palácio de Buckingham, outubro de 2021
Príncipe Edward com Isabel II no Palácio de Buckingham, outubro de 2021 Foto: Getty Images

14. James, Visconte de Severn

Os nascimentos recentes dos filhos dos seus primos, August, Lilibet e Sienna, fizeram o filho do príncipe Edward, o Visconte de Severn, de 14 anos, descer para o 15º lugar na linha de sucessão, embora agora tenha subido para 14º.

15. Lady Louise Mountbatten-Windsor

A filha mais velha de Edward, Lady Louise Mountbatten-Windsor, de 18 anos, é agora a 15ª na linha de sucessão ao trono.

James, Visconde de Severn, e Lady Louside Windsor nos Jogos de Commonwealth 2022, Inglaterra
James, Visconde de Severn, e Lady Louside Windsor nos Jogos de Commonwealth 2022, Inglaterra Foto: Getty Images

16. Ana, Princesa Real

Como a alteração legislativa de 2011 às regras da sucessão não se aplicava retrospetivamente, Ana, Princesa Real, de 72 anos, permanece atrás dos seus três irmãos na linha de sucessão, apesar de ser a segunda filha da rainha. Frequentemente descrita como o membro mais trabalhador da família real, comparece a centenas de compromissos oficiais por ano sem receber muita atenção da imprensa britânica.

Os nascimentos recentes fizeram com que o filho da princesa, Peter Phillips, de 44 anos, se tornasse o 17º na linha de sucessão, com as suas filhas Savannah e Isla em 18º e 19º lugar. A filha da princesa, Zara Tindall, de 41 anos, é agora a 20ª na linha de sucessão, a sua filha, Mia, de oito anos, é a 21ª, a sua segunda filha, Lena, de quatro anos, a 22ª, e o seu filho Lucas, de um ano, o 23º.

Isabel II e princesa Ana na Austria, 7 de maio de 1969
Isabel II e princesa Ana na Austria, 7 de maio de 1969 Foto: Getty Images

Créditos: Victoria Ward/The Telegraph/Atlântico Press

Tradução: Érica Cunha Alves

Saiba mais
Mundo, Atualidade, Isabel II, Príncipe Carlos, Família Real, Sucessão ao Trono
As Mais Lidas