Comprimento sem fim. A nova tendência que não pode deixar escapar

Transporta-nos para uma das cenas mais marcantes do filme 'House of Flying Daggers', de 2004, quando uma bailarina cega dança num tradicional vestido Hanfu. Sugerimos que se inspire nas longas mangas da personagem e em tudo o que vá mais longe do comprimento suposto, entre tops, saias assimétricas e blusas.

Como vestir (ou despir) um peito grande

Com alguns truques, mas sem fórmulas, o equilíbrio promete fazer brilhar silhuetas tão diferentes como as de Cristina Ferreira ou Kim Kardashian. Sem preconceitos, estes decotes definem estilos e aumentam autoestimas.

+Carregar mais