Notícias Máxima

Ninguém resiste a estes perfumes

Ninguém resiste a estes perfumes

Está à procura do perfume perfeito? Tome nota. No outono, as fragrâncias querem-se orientais e florais, com notas elegantes de âmbar, sândalo, almíscar ou damasco. Fica a promessa de um encanto certo
Por Máxima, 18.10.2018
Os 10 filmes a não perder no Doclisboa

Cinema&TV

Os 10 filmes a não perder no Doclisboa

Ao longo de dez dias, a partir desta quinta, 18 de outubro, até 28, o Doclisboa volta a refletir sobre alguns dos temas mais importantes da atualidade. Sempre através do Cinema e da pertinente arte do documentário. Estas são as sugestões da equipa do festival a não perder.
Por Máxima, 18.10.2018
Moda Escolhas da Máxima

Notícias Máxima

Manhãs gloriosas, hábitos matinais para um dia de sucesso

Mundo

Manhãs gloriosas, hábitos matinais para um dia de sucesso

Diz o ditado que “deitar cedo e cedo erguer, dá saúde e faz crescer”. Então e depois de acordar? O livro 'My Morning Routine' reúne as rotinas matinais de várias pessoas com carreiras de sucesso e alerta para a importância dos hábitos matinais no resto do dia. A Máxima entrevistou Benjamin Spall, um dos autores.
Por Carolina Carvalho, 18.10.2018
O outono 2018 com sabor a Mango

Entrevistas

O outono 2018 com sabor a Mango

A mesma Mango de sempre, mas com um “sabor” mais apurado. A marca espanhola traz, este outono/inverno, uma coleção renovada e focada nas suas origens. A Máxima foi a Ibiza conhecê-la e falar, em exclusivo, com Jan Rivera Bosch, uma das figuras responsáveis pela mudança.
Por Carolina Carvalho, 18.10.2018
Celebridades
As adoráveis traquinices reais

As adoráveis traquinices reais

Lutaram contra o vento, caíram no chão e tentaram conter o riso durante a cerimónia. As imagens mais queridas das damas de honor e pajens do casamento da princesa Eugenie com Jack Brooksbank.
Por Aline Fernandez
12.10.2018
C-Studio

Notícias Máxima

Beatriz Batarda: “Rir é a mesma coisa que chorar, são ambas uma descarga emocional”

Entrevistas

Beatriz Batarda: “Rir é a mesma coisa que chorar, são ambas uma descarga emocional”

Nascida no fervilhar da Revolução dos Cravos, a 1 de abril de 1974, Beatriz Batarda respirou o primeiro fôlego da liberdade, mas não esquece a geração de mulheres que não a tiveram. Uma das mais aclamadas atrizes portuguesas da sua geração e da nossa, Batarda tem um discurso claro, uma voz determinada e uns olhos imensos. Escutámo-la, com atenção, num dia de sol ameno, em Lisboa.
Por Rita Silva Avelar, 18.10.2018
Beleza Escolhas da editora Por Carolina Silva
Perfume para cabelo? Sim, existe

Cabelos

Perfume para cabelo? Sim, existe

Acrescente à sensação de cabelo acabado de lavar, brilho extra, proteção contra os raios UV e ainda ação anti-frizz. O mais certo é que não vá querer outra coisa.

Notícias Máxima