Beleza / Wellness

Os conselhos de uma nutricionista anti-dietas para evitar e combater a celulite

Leonor Tavares Costa promove um estilo de vida equilibrado e, sobretudo, divertido. Eis os seus melhores conselhos para quem quer combater a celulite, ou o chamado efeito "casca de laranja".

22 de abril de 2021 | Rita Silva Avelar

Nem todas gostamos de ver os efeitos da famosa celulite, mas a verdade é que 85% das mulheres a têm. Leonor Tavares Costa, nutrionista, foi uma das convidadas pela Cellulase para apresentar o novo plano de três passos que a marca lançou recentemente, e desmistificou aquilo que achamos que sabemos em relação à celulite. Além disso, a nutricionista, que se diz "anti-dietas", deixou bons conselhos para se evitar ou diminuir a visibilidade da famosa casca de laranja através da alimentação e de cuidados de beleza. 

Primeiro, há que aumentar a ingestão de água para 1,5-2,5L/dia. "
Nem sempre temos sede e muitas vezes confundimos outras sensações, como dores de cabeça e fome com, o que na verdade, é desidratação. Assim, devemos aplicar estratégias que ajudem a criar hábitos: beber um copo de água em jejum, um copo de água entre o pequeno-almoço e o almoço, um copo de água mesmo antes do almoço, duas a três canecas de chá durante a tarde, um copo de água mesmo antes do jantar, etc.. Os alarmes no telemóvel podem ajudar e podemos ainda inovar na forma como bebemos água (fazer um jarro com cascas de fruta, ervas aromáticas, sumo de lima ou limão, etc)" começa por dizer. 

Depois, devemos aumentar e adequar a atividade física ao nosso dia a dia. "As caminhadas são, sem dúvida, um aliado na perda de peso e no combate à celulite. Uma vez que é uma atividade que nos permite manter a função cardiorrespiratória controlada, podemos realizá-la durante mais tempo (60-120 minutos). Por outro lado, promove a circulação, melhorando a aparência da celulite. A minha opinião, como profissional de saúde, é que a escolha de atividade física deve ser baseada nos gostos de cada um, pois se gostarmos da atividade física, temos maior facilidade em incluí-la no nosso dia a dia," lembra.

Aumentar o consumo de fibra é outra das regras de ouro. "Se nos focarmos em "comer mais de", temos menos tempo e espaço no nosso dia alimentar para "comer menos de". Neste caso, devemos focar-nos em comer mais fruta, legumes, leguminosas e cereais integrais. Aumentando o seu consumo, automaticamente diminuímos o consumo de produtos processados e nutricionalmente menos interessantes (como o pão branco, snacks com açúcar refinado, refrigerantes, entre outros), associados à acumulação de gordura, principalmente em zonas com tendência a desenvolver celulite."

E quanto à alimentação, haverá alimentos que não se recomendam? "Na minha abordagem como nutricionista, não há alimentos permitidos nem proibidos," começa por explicar. "Existe sim a recomendação de ingerir mais alimentos nutritivos do que produtos nutricionalmente pouco interessantes, mas que também são importantes para a nossa saúde mental. Em consulta utilizo a abordagem 90/10 - 90% da nossa alimentação deve ser composta por "alimentos reais" (real food), como fruta, legumes, leguminosas, carnes brancas, peixes gordos, cereais integrais, gordura monoinsaturada, entre outros, e 10% da nossa alimentação pode ser composta por produtos que não são tão interessantes nutricionalmente, mas que de vez em quando sabem bem."

No entanto, há alimentos que fazem parte destes 10% que promovem o desenvolvimento da celulite. Por essa razão, não são recomendados no geral, mas muito menos no combate à celulite. De acordo com a nutricionista, são eles: 

1. Produtos processados. "Contêm açúcares livres e "calorias vazias" que resultam num pico nos níveis de açúcar no sangue e, posteriormente, numa diminuição acentuada, associada à inflamação nas células."

2. Sal e produtos com elevado teor de sal. "
O consumo de sal está associado à retenção de líquidos, tornando a celulite mais aparente. Devemos hidratar o corpo para renovar a água, promovendo a eliminação de toxinas. Quando o consumo de sal é excessivo, esta água fica retida no corpo. Idealmente, devemos restringir o consumo de sal para 1,5g/dia."
Leonor Tavares Costa, a nutricionista
Leonor Tavares Costa, a nutricionista "anti-dietas".


3. Carne, derivados de carne e queijos processados. "
100g de fiambre da perna extra tem cerca de 2,7g de sal (quase o dobro da dose diária recomendada). Como o sal é utilizado como conservante, devemos evitar estes produtos com excesso de sal."

4. Margarina e cremes vegetais. "
Produtos altamente processados cuja base original é um óleo vegetal, mas ao qual é adicionado hidrogénio para se obter a textura sólida à temperatura ambiente. A margarina e outros cremes vegetais destacam-se pelo seu teor em gordura trans (a gordura mais prejudicial para a saúde cardiovascular) e pela sua capacidade de solidificar dentro do organismo, bloqueando as artérias e dificultando o processo de circulação de sangue e oxigénio."

Sobre a importância da rotina de beleza a par de uma boa nutrição, Leonor Tavares Costa acrescenta: "promovo uma vida feliz e descontraída, além de saudável, porque considero que sem um não se tem o outro. Desta forma, acho que mais importante do que estarmos constantemente em busca de soluções para a nossa aparência física, devemos aceitar a nossa genética, alterações hormonais e aceitar também que o nosso corpo muda todos os dias" diz. "Mais importante do que a escolha de aplicar um creme, tomar um suplemento, fazer tratamentos não invasivos ou até mesmo tratamentos invasivos, é a aceitação pessoal, em primeiro lugar, e garantir que o "tratamento" é de qualidade.

Leia também

Idealizada para funcionar em três passos, a nova rotina da Cellulase é um bom exemplo do que podemos fazer, sem fazer deste ritual uma obsessão, mas com a qualidade necessária à eficácia. Tudo começa com a toma diária do novo suplemento alimentar - Cellulase Pearls ou Cellulase Advanced, consoante o grau da celulite - que atua no interior da pele e na origem do problema. Depois, a esfoliação da pele com o novo gel esfoliante com areia negra vulcânica e extrato de mentol refrescante, o Cellulase Gel Esfoliante, e a aplicação do creme refirmante Cellulase Creme Refirmante com cafeína redutora, emolientes, pérolas douradas, para iluminar a pele, e vitamina E antioxidante para dar mais firmeza à pele e afinar a silhueta, são os passos certeiros para travar a batalha contra a pele casca de laranja.

Leia também
Saiba mais Leonor Tavares Costa, saúde, Beleza, Pernas, Cellulase, Cremes, Dermatologista, Nutricionista
Mais Lidas