Junte-se ao nosso canal de WhatsApp e aceda diretamente aos temas Máxima do momento. Seguir
Beleza / Wellness

Devemos dormir despidos no inverno? Sim – eis porquê

Há benefícios a nível da qualidade do sono, da temperatura corporal e até da higiene íntima, de acordo com um médico de família e um sexólogo.

Barbara Bouchet numa cena de nudez de um dos seus filmes, cerca de 1974.
Barbara Bouchet numa cena de nudez de um dos seus filmes, cerca de 1974. Foto: Getty Images
05 de janeiro de 2024 Rita Silva Avelar

Dormir com ou sem meias; quantas vezes lavar os lençóis para um maior conforto; dormir com camadas de roupa ou dormir nu; dormir com almofadas altas ou baixas: os temas sobre a higiene do sono são praticamente infungíveis – e as opiniões dividem-se. Porém, e para os que tencionam continuar a dormir nus se já o fazem no inverno, há boas notícias.

Sammy Margo, especialista em sono, explicou à Vogue India: "Embora muitas pessoas possam pensar que agasalhar-se no inverno é a melhor forma de se manterem quentes, dormir nu pode, na verdade, ajudar a regular a temperatura corporal e a melhorar a qualidade do sono. É uma forma surpreendente mas eficaz de nos mantermos aconchegados e confortáveis durante os meses frios, ao mesmo tempo que damos ao nosso corpo o tão necessário impulso de bem-estar."

Por cá, o psicólogo clínico e sexólogo Fernando Mesquita acredita que "embora dependa muito de preferências individuais, dormir sem roupa interior pode trazer vários benefícios" e que "entre as principais vantagens destaca-se a qualidade do sono".

Psicólogo clínico e sexólogo Fernando Mesquita
Psicólogo clínico e sexólogo Fernando Mesquita Foto: DR

O especialista acrescenta que "não usar roupa interior pode causar uma maior sensação de liberdade de movimentos durante a noite, bem como manter a temperatura corporal baixa, que são dois fatores facilitadores de um sono mais profundo e reparador."

Como sexólogo, reforça a existência de vantagens para a zona genital. "Ao não usar pijama ou roupa interior, durante o sono, existe uma maior ventilação na zona genital que poderá ajudar a prevenir algumas infeções fúngicas, como é o caso da candidíase. Além disso, diversos estudos têm referido que homens que dormem com pijama ou roupa interior justa apresentam uma qualidade de sémen inferior aos que têm os testículos mais frios."

Finalmente, para aquelas pessoas que dormem com a cara-metade, "o facto de estarem na cama sem roupa poderá aumentar a satisfação e frequência sexual", garante, referindo que os estudos indicam que "57% dos casais que dormem sem roupa estão contentes ou muitos contentes com as suas relações, sendo que esse valor desce para 48% nos casais que dormem de pijama ou roupa interior."

Vânia Caldeira, pneumologista especialista em Medicina do Sono da Sociedade Portuguesa de Pneumologia, nomeia a temperatura corporal como fator principal para dormirmos nus. "A temperatura corporal é coordenada pelo nosso relógio biológico interno (o hipotálamo) e, por isso, diretamente relacionada com o nosso ritmo circadiano (que define o tempo de dormir e de vigília) ", começa por dizer à Máxima. "Ao final do dia, há um aumento da produção da melatonina que gera dilatação dos vasos sanguíneos das extremidades. Esta vasodilatação gera aumento de calor local das extremidades contribuindo para a libertação de calor e a redução da temperatura central. Esta descida da temperatura central ao final do dia promove o sono e facilita o processo de adormecer", esclarece.

Vânia Caldeira, pneumologista especialista em Medicina do Sono da Sociedade Portuguesa de Pneumologia
Vânia Caldeira, pneumologista especialista em Medicina do Sono da Sociedade Portuguesa de Pneumologia Foto: DR

A médica reitera que dormir sem roupa pode facilitar esta regulação de temperatura "pela dissipação de calor", mas por outro lado, "se isso resultar num ambiente demasiado frio, pode gerar o mecanismo inverso de constrição dos vasos e impedir a descida da temperatura central." É por isso que dormir com os pés frios (sinal de constrição dos vasos das extremidades) não é uma boa ideia", deixa a indicação. "E que um banho quente antes de dormir, gerando vasodilatação periférica, pode ajudar na descida da temperatura central e no sono. Assim, o aconselhado é uma temperatura no quarto amena (cerca de 18ºC) e confortável (com ou sem roupa), evitando ambientes muito frios ou muito quentes, que comprometam a qualidade e continuidade do sono", conclui.

Saiba mais
Wellness, Educação, Inverno, Dormir, Despida, Temperatura
Leia também

O que acontece à pele quando deixamos de beber álcool?

A propósito do Dry January, iniciativa que promove um início do ano sem bebidas alcoólicas, perguntámos a uma dermatologista e a uma nutricionista que efeitos positivos tem a pausa neste consumo para o organismo. E que consequências tem a continuidade.

Ícones de beleza com mais de 70 anos

Mesmo após décadas de carreira, estas atrizes e modelos continuam a ser símbolos de beleza intemporal e estilo. E provam que a verdadeira elegância só melhora com a idade.

As Mais Lidas