Beleza / Wellness

Roupa de cama. Os principais erros que pode estar a cometer e como preservá-la

De ingredientes proibidos a regras de lavagem, estaremos a cuidar bem dos lençóis, fronhas e outros elementos da roupa de cama?

Foto: Torres Novas
07 de junho de 2023 Ana Filipa Damião

Tal como os jeans e as toalhas de banho, também a roupa de cama tem os seus cuidados específicos, de modo a prolongar a sua durabilidade. Afinal, não há nada melhor do que nos deitarmos numa cama feita e perfumada, mas será que estamos a cuidar dos lençóis, muitas vezes de algodão, tão bem como acreditamos? 

Encher demasiado a máquina é um dos principais erros que as pessoas cometem na hora de lavar, uma vez que quanto mais peças estiverem no tambor, menos espaço haverá para se movimentarem, resultando numa pior lavagem, revela Inês Vaz-Pinto, sócia e responsável de marketing e comunicação da Torres Novas, em entrevista à Máxima. Já no que toca ao manual de instruções, as indicações são múltiplas mas simples - lavar antes de se usar pela primeira vez, nunca a mais de 40ºC para não danificar as fibras, deixar secar à sombra de modo a evitar a exposição solar e passar a ferro sempre do avesso. Além disso, não devemos juntar a roupa de cama a outro tipo na máquina, nem usar mais detergente do que o recomendado para a presente carga, acrescenta.

Um bom truque para os lençóis limpos e macios é colocar uma chávena de bicarbonato de sódio no tambor e meia chávena de vinagre de limpeza no compartimento do amaciador ocasionalmente.
Um bom truque para os lençóis limpos e macios é colocar uma chávena de bicarbonato de sódio no tambor e meia chávena de vinagre de limpeza no compartimento do amaciador ocasionalmente. Foto: Torres Novas

Para quem não gosta de passar a ferro, mas não quer abdicar da suavidade, a especialista aconselha a tirar tudo da máquina de secar assim que a mesma terminar, "pois quanto mais tempo esperarmos, mais enrugados os lençóis irão ficar". Depois, o segredo está em estendê-los com espaço e, quando estiverem secos, dobrar com cuidado e guardá-los num local seco e fresco. Um bom truque para mantê-los limpos e suaves, diz Inês, é colocar ainda uma chávena de bicarbonato de sódio diretamente no tecido, no tambor, e meia chávena de vinagre de limpeza no compartimento do amaciador, ocasionalmente.

Lençóis brancos e ingredientes a evitar

A lixívia é um grande inimigo da roupa, até da branca, a par do amaciador. O motivo? O primeiro corrói as fibras e o segundo obstrui as mesmas, ambos contribuindo para a menor durabilidade da peça. "O uso de amaciador cria uma película que cobre as fibras, que é o que dá o toque suave, mas faz com que os tecidos percam a capacidade de absorção. Ao longo do tempo vai-se acumulando nas fibras e fazendo com que estas percam respirabilidade." Ao invés, a especialista aconselha a troca do conjunto entre lavagens - lavar excessivamente o mesmo desgasta e danifica - e a escolha predominante de matérias-primas naturais. "Vão durar mais tempo e estragar-se menos, se forem bem cuidadas." 

Não é aconselhado o uso de lixívia na roupa de cama, pois corrói o tecido.
Não é aconselhado o uso de lixívia na roupa de cama, pois corrói o tecido. Foto: Torres Novas

Conhecida pelas suas toalhas 100% de algodão, a Torres Novas lançou recentemente a sua primeira coleção de roupa de cama: "quisemos testar algo que ainda não se vê muito em Portugal, que é o algodão lavado. Os artigos primeiro são todos confecionados e só depois é que são tingidos num tipo de lavagem stonewash. Dá um look descontraído, mantendo o toque macio. Isto também permite produzir pequenas quantidades de cada vez, evitando a sobreprodução e desperdício de alguma das cores. 

Saiba mais
Tendências, Educação, Roupa de Cama, Lençóis, Lavar, Passar a Ferro, Algodão, Torres Novas
Leia também
As Mais Lidas