Celebridades

Diana e Meghan, a história repete-se, mas o desfecho é diferente

Há pelo menos um enlace na história da princesa de Gales e da duquesa de Sussex, ambas foram confrontadas com problemas de saúde mental, e a ambas lhes foi vedado o acesso a ajuda profissional.

Foto: Getty Images
11 de março de 2021 | Rita Silva Avelar
Depois da polémica entrevista que os duques de Sussex concederam a Oprah Winfrey, há cada vez mais revelações a serem acrescentadas à história deste jovem casal que decidiu afastar-se das suas obrigações reais, pouco tempo após o nascimento do filho Archie. 

As comparações e similaridades entre Diana de Gales, mãe de Harry, e Meghan Markle têm sido uma constante nesta narrativa, a começar pelos problemas de saúde mental. Ambas falaram também no exaspero e na claustrofobia da vida com a família real real, mesmo que em épocas diferentes e com histórias pessoaos muito distintas. Diana chegou de forma ingénua à família real britânica, e viu o seu casamento ficar em estilhaços, ao longo dos anos, com o príncipe Carlos a assumir o affair com Camila Parker-Bowles, hoje duquesa da Cornualha. A princesa acabou por isolar-se, confiando apenas no seu núcleo de amigos mais próximo, como os seus vários guarda-costas ou Paul Dawson, psicoterapeuta da princesa de 1996 até à data da sua trágica morte, em agosto de 1997.
Princesa Diana, 1988
Princesa Diana, 1988 Foto: Getty Images


Meghan chegou à realeza num momento em que já muito se havia exposto sobre o modus operandi do Palácio, apoiada por Harry, seu marido, a 100%. Na hora da decisão de abandonar a realeza, permanceram juntos e inseparáveis, e projetaram uma vida na Califórnia, com o filho Archie, que espera uma irmã, em meados do próximo verão.


Leia também
Mas para ambas houve momentos de viragem, que a história separa por 26 anos. Enquanto Meghan surge apoiada por Harry na entrevista Oprah With Meghan and Harry, em Montecito: em novembro de 1995 Diana estava no seu apartamento em Londres, sozinha, para conversar com o jornalista da BBC, Martin Bashir. A princesa falou sobre a bulimia, a depressão, e o desgosto. "Existiam três pessoas no nosso casamento, era um pouco demais" é uma das suas frases mais célebres da entrevista, referindo-se a Camila.
Meghan Markle, 2019
Meghan Markle, 2019 Foto: Getty Images


A linguagem utilizada por ambas as mulheres é semelhante. "Uma pessoa pensa que conhece o que está para vir", disse a princesa Diana a Bashir em 1995. "Não compreendi bem qual era o trabalho", disse a duquesa de Sussex a Oprah Winfrey, em 2021. "Parecia estar na manchete de um jornal todos os dias", disse Diana. "Estou em todo o lado", disse Meghan. "Eu não gostava de mim própria. Tinha vergonha porque não conseguia lidar com as pressões", revelou Diana. "Tive realmente vergonha de o dizer na altura", disse Meghan. "Mas...eu simplesmente não queria continuar viva".

Leia também
Saiba mais Diana, Meghan, Realeza, Oprah, Princesa Diana, Duquesa de Sussex, Realeza, Palácio, Vida Real
Mais Lidas