Mundo

Movimento #MeToo é personalidade do ano da revista Time

A revista distinguiu as mulheres corajosas que partilharam nas redes sociais histórias pessoais de assédio sexual.
Por Ângela Mata, 06.12.2017

Ashley Judd, Susan Fowler, Adama Iwu, Taylor Swift e Isabel Pascual são as mulheres que vêm na capa da revista norte-americana Time. Todas elas confessaram este ano terem sido vítimas de assédio sexual. São também elas as representantes de milhares de mulheres que foram vítimas desse mesmo assédio e que resolveram não mais ficar caladas.

Nesta capa referente à personalidade do ano, que tradicionalmente todos os anos é dedicada à pessoa mais influente, é possível ler-se ‘As quebradoras do silêncio’ e ‘As vozes que criaram um movimento’. Movimento esse que ficou conhecido um pouco por todo o mundo por #MeToo. A ashtag que possibilitou a milhares de mulheres e homens partilharem nas redes sociais histórias que estavam até hoje silenciadas.

No vídeo publicado no Twitter da revista é possível identificar-se muito mais personalidades, na sua maioria mulheres, algumas muito famosas como Gwyneth Paltrow, que recusaram continuar o silêncio e denunciaram casos de assédio sexual, que há muito estavam escondidos por detrás do brilho de Hollywood. Apesar de a maioria dos casos ter sido denunciada por mulheres, o ator Terry Crews , que também afirmou ter sido alvo de assédio, é uma das vozes que lembra que também há homens entre as vítimas. 

Saiba mais aqui!
Tags: ashley judd gwyneth paltrow twitter hollywood time susan fowler adama iwu person of the year taylor swift isabel pascual terry crews personalidade celebridades assédio sexual
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!