Celebridades

Adele sobre perda de peso, divórcio e carreira. "Ou sou demasiado grande ou demasiado pequena, ou sou sexy ou não sou."

Numa entrevista à apresentadora Oprah Winfrey, Adele confessou que foi o ginásio que a salvou da ansiedade que sofreu no processo de divórcio, e que continua a ficar surpreendida com o impacto mediático da sua música.

Foto: OPRAH / CBS
15 de novembro de 2021 Rita Silva Avelar
Na entrevista exclusiva que deu a Oprah Winfrey durante um programa da CBS - e no mesmo registo daquela que Harry e Meghan concederam à apresentadora americana - Adele falou abertamente sobre temas polémicos. O pretexto? O lançamento do seu mais recente álbum, 30, cujo primeiro single, Easy On Me cantou ao vivo durante o programa.



Numa conversa aberta sobre como o divórcio pode ser doloroso, a cantora, hoje com 33 anos, disse que sentiu que tinha "desrespeitado" a ideia de casamento quando se separou do seu marido, Simon Konecki, em 2018. A Oprah, confessou ter tido "ataques de ansiedade aterradores" depois da separação, e que foi esse o trigger que a levou praticar exercício físico com regularidade e a adotar uma nova alimentação, o que culminou na perda de mais de 50kg em apenas dois anos. 

Ainda sobre o divórcio, Adele disse que a vergonha advinha, também, de o facto de o seu pai ter saído de casa quando ela tinha apenas 2 anos. "Tenho estado obcecada com uma família nuclear toda a minha vida porque nunca vim de uma (...) Desde muito jovem [eu] prometi a mim mesma que, quando tivesse filhos, ficaríamos juntos. E eu tentei durante muito, muito tempo". Adele confessa ter percebido que o seu casamento de oito anos estava sem futuro quando fez um teste de personalidade numa revista. Adele salientou que ainda ama Konecki, mesmo que já não esteja "apaixonada" por ele. O casal ainda vive em frente um do outro em Los Angeles, e continua a cuidar do seu filho, Angelo, em conjunto.

A atriz acabou por reconciliar-se com o pai, Mark Evans, três anos antes de este morrer, vítima de cancro, durante a pandemia. Adele ainda conseguiu tocar-lhe todo o novo álbum pelo Zoom. "Os seus favoritos eram todos os meus favoritos, o que foi espantoso", disse Adele a Winfrey, "e ele estava orgulhoso de mim." "Por isso foi muito, muito curativo [e] quando ele morreu, foi literalmente como se a ferida tivesse fechado".

Transmitido na estação norte-americana CBS, o especial de duas horas com a entrevista a Adele contou ainda com outras revelações e reflexões quanto ao êxito - que considera inexplicável - de canções como Hello and Someone Like You.

"Penso que, como pessoa, não tenho o que a minha música tem (...) É selvagem, e eu acho que não sou assim tão profunda na vida real", disse, entre gargalhadas. "A música ajuda-me em muitas situações e eu gostaria de fazer o mesmo pelas pessoas... para serem lembradas de que não estão sozinhas."

Nos últimos dois anos, Adele tem sido alvo de especulação e curiosidade por causa da sua recente perda de peso. A estrela disse que a transformação era "principalmente" para controlar a sua ansiedade. Depois de reparar que esta diminuia com as idas ao ginásio, ela começou a ir todos os dias.

Winfrey recordou as suas próprias experiências de perda de peso, e como algumas pessoas se sentiram "perturbadas" e "abandonadas" quando fez a sua primeira dieta. 

Sugerindo que tinha ouvido comentários semelhantes, Adele respondeu: "Não estou chocada ou mesmo perturbada, porque o meu corpo foi objetivado durante toda a minha carreira. Ou sou demasiado grande ou demasiado pequena, ou sou sexy ou não sou."

"Mas não é minha função validar o que as pessoas sentem em relação ao seu corpo. Sinto-me mal por ter feito alguém sentir-se horrível sobre si próprio - mas não é essa a minha função. Estou a tentar resolver a minha própria vida", afirmou.
Saiba mais
Adele, Oprah Winfrey, Simon Konecki, Meghan, Easy On Me, questões sociais, artes, cultura e entretenimento
Leia também

Adele, de novo irreconhecível?

A cantora anunciou um novo single - e até revelou parte da sua letra - num live de Instagram. E os fãs voltaram a mostrar-se surpreendidos com a sua forma física.

A mulher que pôs Adele a chorar em palco

A cantora britânica foi surpreendida com a presença de alguém que a inspirou a chegar onde chegou desde a infância. No fim, e depois do reencontro, até pediu cinco minutos para retocar a maquilhagem.

Foi este o livro que ajudou Adele a perder peso

O físico da cantora britânica Adele mudou bastante nos últimos tempos, e a sua perda de peso não passou despercebida. Adele revelou que o livro de auto-ajuda Untamed, da escritora Glennon Doyle a ajudou bastante durante este processo.

Adele: antes e depois da maquilhagem

A maquilhadora holandesa Nikkie de Jager partilhou um tutorial que mostra a cantora antes e depois de ser maquilhada. Surpreenda-se tanto como a própria.

As Mais Lidas