Atual

Johnny Depp afirma ter sido vítima de violência. “Escondia-me na casa de banho para escapar ao abuso”

Novas informações foram reveladas pela estrela de Hollywood, em tribunal, na última quarta- feira, 20 de abril, relativas aos abusos que o ator terá sofrido na infância, mas também durante a relação com Amber Heard.

Foto: Getty Images
21 de abril de 2022 Andriana Barbos

No sexto dia do seu julgamento por difamação contra a ex-mulher, Johnny Depp admite ao júri como a atriz tinha uma "necessidade de conflito" e que muitas vezes chegava a agredi-lo. O ator relata alteração no comportamento de Amber ao longo dos anos, que passou de "doce e divertida" a "intimidante e agressiva".

A rotina invulgar da atriz quando o ex-marido chegava a casa deixou o mundo em choque. "Depois de um dia de trabalho, eu voltava para casa, ela tirava-me as botas e trazia-me um copo de vinho", descreve Depp. Isto tornou-se num hábito, o que levou a mulher a exaltar-se um dia quando o ex-companheiro fez isso sozinho, ao replicar: "Não, não, não, esse é o meu trabalho". O ator alega como começou a sentir um certo nível de toxicidade na relação.

A estrela de Hollywood partilhou detalhes pessoais, de como o seu casamento com a ex-parceira descambou, descrevendo-a como tóxica. Afirmou que Heard era verbalmente abusiva e muitas vezes acusava-o de ser "um pai terrível". Expõe que sentia a "frustração, a fúria e a raiva" da ex-mulher, que por vezes levava a bofetadas e empurrões, "podia começar com atirar-me um comando de televisão à cabeça" ou um "copo de vinho à minha cara", relata. A certo ponto Johnny Deep chegou a levantar-se perante os júris para demonstrar como se protegia dos ataques de Amber.

Johnny Depp alegada agressão
Johnny Depp alegada agressão Foto: Getty Images

O pai de Lily-Rose, 22 anos, e Jack Depp, 20, especificou um episódio que decorreu durante as gravações dos Piradas das Caraíbas na Austrália em 2015. Johnny revelou que a estrela de Aquaman agrediu-o com uma garrafa de vodka o que acabou por cortar parte do seu dedo. "Não senti dor no início, mas assim que olhei para baixo apercebi-me que a ponta do meu dedo tinha sido cortada e estava a olhar diretamente para o meu osso ", disse ao júri.

Segundo o artista, à medida que os argumentos escalavam, este tinha uma tendência para tentar remover-se da situação, confessando que chegou a trancar-se na casa de banho à procura de paz. "Algumas pessoas procuram fraquezas em outros seres humanos, a minha vulnerabilidade perante Amber tornou-se uma munição para ela. De modo a fugir a isto, escondia-me como fazia na minha infância", afirmou o ator. Jhonny Deep inclusiva narrou um segundo episódio em que estava na casa de banho, enquanto Amber batia na porta exaltada conforme a empurrava freneticamente para entrar. "À medida que eu empurrava a porta para a fechar, ela grita a queixar-se de dores nos pés, então eu preocupado com uma possível lesão, parei para ver o pé dela, nesse momento Amber bate com a porta na minha cabeça", relata o mesmo.

Saiba mais
Mundo, Atualidade, Julgamento, Johnny Depp, Amber Heard
Leia também
As Mais Lidas