Celebridades

Infanta Cristina, a mais bela da monarquia espanhola, separa-se de Iñaki

Como uma das mais belas mulheres da monarquia espanhola se afastou da família, prestou contas à justiça e agora se vê a braços com o divórcio de Iñaki Urdangarin, ex-desportista.

Foto: Getty Images
24 de janeiro de 2022 Rita Silva Avelar
Em 1997, casavam-se Cristina de Bourbon e Iñaki Urdangarin perante 1500 convidados, em Barcelona. Ela, a bela e mais nova filha de Juan Carlos I de Espanha e Sofia da Grécia, reis de Espanha; ele, que chegou a ser o mais bem sucedido jogador de andebol em Espanha, tendo feito parte do clube de andebol do Barcelona e da seleção espanhola.
Infanta Cristina e Iñaki Urdangarin com Sofia e Juan Carlos, 2002.
Infanta Cristina e Iñaki Urdangarin com Sofia e Juan Carlos, 2002. Foto: Getty Images


O casamento parece não ter sobrevivido a anos de rumores de traições e corrupção envolvendo sobretudo Iñaki, que desde 2018 cumpre pena, atualmente em regime semiaberto, pelo envolvimento no caso que ficou conhecido em Espanha como o Caso Nóos. Mais recentemente, vieram a público fotografias do ex-atleta com uma mulher desconhecida, de mãos dadas, a passear junto ao mar. "Coisas que acontecem", reagiu, sem negar as evidências. "Vamos lidar [com a situação] com calma e juntos, como sempre", disse, referindo-se ao núcleo familiar. A companhia era afinal a advogada Ainhoa Armentia, sua colega de trabalho na empresa Imaz&Asociados.
Infanta Cristina e Iñaki Urdangarin, 2010.
Infanta Cristina e Iñaki Urdangarin, 2010. Foto: Getty Images


Parece que esta foi a gota de água num casamento marcado por situações infelizes. A infanta Cristina era vista como a menina bonita da monarquia espanhola, mas o casamento com Iñaki também lhe deu o "título" de primeiro membro da família real espanhola a ser julgado em tribunal, em 2016, por causa do agora ex-marido. O que lhe ditaria o afastamento da casa real, tal como fez o pai, quando foi para Abu Dhabi, há dois anos. A infanta acabou por isolar-se e raramente é vista pelos espanhóis. A notícia da separação foi avançada pela ¡Hola!, que garante que é definitiva, de acordo com o que noticiou num comunicado a agência EFE. "De comum acordo, decidimos interromper a nossa relação matrimonial. O nosso compromisso para com os nossos filhos permanece intacto. Dado que se trata de uma decisão privada, pedimos o maior respeito de todos os que nos rodeiam. Cristina de Borbón e Iñaki Urdangarin", lê-se no texto enviado pelo casal à agência. O casal é pai de Juan Valentín, Pablo, Miguel e Irene.


Saiba mais
Infanta Cristina, Palácio de Zarzuela, Cristina de Bourbon, Iñaki Urdangarin, Madrid
Leia também

Pilar Eyre: “Juan Carlos foi um mulherengo, eternamente carente de afeto”

Como lembrará a História de Espanha a figura do Rei Juan Carlos? O campeão da Democracia, que foi no período da transição, ou o protagonista dos escândalos que o levaram a abdicar? Em 'Eu, o Rei', a biografia agora publicada em Portugal, a jornalista Pilar Eyre diz que a verdade se compõe de muitos matizes.

Kate e William: os segredos do casamento de 10 anos

No final de abril cumpre-se uma década desde o casamento real mais importante deste século. 10 anos que podem muito bem ter mudado a história da monarquia britânica. Primeira parte de uma investigação ao lado mais privado do príncipe William, pela correspondente do Sunday Times para os assuntos da realeza, Roya Nikkhah.

As Mais Lidas