Prazeres

Entre o mar e a terra, no Suba encontra-se uma das melhores vistas da cidade

A cozinha do chef Fábio Alves junta o melhor de dois mundos: a tradição e a modernidade. Eis os novos pratos do Suba, que combinam ingredientes tão improváveis como foie gras e pêra bêbada ou lula com puré de alcachofra.

26 de julho de 2021 | Rita Silva Avelar

Junto ao miradouro de Santa Catarina, em Lisboa, há um restaurante dentro de um palácio tranformado em hotel que a cidade ainda guarda com encanto. Fica no topo do Verride Palace, o miradouro 360° de onde se avista o rio, a cidade e as suas ruas, os turistas e os lisboetas. Além de ser possível almoçar na esplanada, que fica num piso abaixo do miradouro, o restaurante Suba também tem espaço interior para que os dias de mais calor não sejam razão para não se desfrutar de um almoço desafogado e tranquilo, quase como se não estivessemos no coração de Lisboa.

Black angus curado, com beterraba macerada, queijo de pasta rija e trufa
Black angus curado, com beterraba macerada, queijo de pasta rija e trufa
Mil folhas de foie gras e pêra bêbada com mousse salgada de vinho do Porto e torresmos de aves
Mil folhas de foie gras e pêra bêbada com mousse salgada de vinho do Porto e torresmos de aves

Assim que entramos no Suba, sabemos que estamos bem entregues às mãos do chef Fábio Alves, que com frequência introduz novas técnicas e ingredientes nos seus pratos, onde a surpresa e a criatividade são uma constante. Entre as novidades do menu, que sempre influências da terra e do mar estão o black angus curado, com beterraba macerada, queijo de pasta rija e trufa, o mil folhas de foie gras e pêra bêbada com mousse salgada de vinho do Porto e torresmos de aves (é uma explosão de sabores), a lula em duas confeções com alcachofra e dashi invertido, ou o cabrito de leite a dois tempos, seu arroz e jus.

Lula em duas confeções com alcachofra e dashi invertido
Lula em duas confeções com alcachofra e dashi invertido
Cabrito de leite a dois tempos, seu arroz e jus.
Cabrito de leite a dois tempos, seu arroz e jus.
Leia também

O chef, que passou pelo Vidago Palace Hotel antes de chegar ao Suba em 2019, não esconde as influências da cozinha tradicional e o prazer pelas iguarias da cozinha clássica portuguesa, mas não resiste a dar-lhes um toque de irreverência, que se mostra a cada garfada e a cada textura improvável, em pratos construídos ao detalhe para surpreender e deslumbrar. E fá-lo em todos os momentos da refeição, inclusive na nova sobremesa de cheesecake cozido com citrinos, merengue e gelado de Moscatel roxo - um final equilibrado e guloso que chega à mesa numa bonita composição circular, que rapidamente nos prontificamos a desfazer com prazer.

O menu executivo, que é renovado semanalmente, tem sempre duas opções de entrada, prato principal e sobremesa, além de couvert e café, por €25 (sem bebidas).

Cheesecake cozido com citrinos, merengue e gelado de Moscatel roxo
Cheesecake cozido com citrinos, merengue e gelado de Moscatel roxo

Onde? R. de Santa Catarina nº 1, Lisboa Reservas 21 157 3055

Leia também
Saiba mais Suba, Lisboa, Santa Catarina, Verride Palace, Restaurante, Comida, Restauração, Hotel, Palácio, Comer
Mais Lidas