Atual

A atriz Carolina Amaral lê um excerto d''A Gaivota de Tchekhov'

Atriz revelação de 'Glória', a primeira série portuguesa da Netflix, Carolina Amaral diz o texto de uma personagem que todas as atrizes sonham interpretar.

A carregar o vídeo ...
13 de novembro de 2021 Tiago Manaia

É dos mais belos textos de teatro. A Gaivota, do russo Anton Tchekhov, aborda a fragilidade da condição dos artistas na sociedade. Quando foi representada pela primeira. em 1896, foi recebida com ceticismo. A sua linguagem (ainda tão atual) ia contra tudo o que se fazia na época. Stanislavski encenou-a anos mais tarde, tornando-se depois um dos textos mais representados no mundo.

Nina, a personagem que Carolina Amaral lê numa audição simulada a nosso pedido, quer ser atriz, luta para alcançar o seu sonho. Sofre de amor, apaixona-se por um escritor, a vida troca-lhe as voltas e Nina acaba a representar em companhias de teatro secundárias, longe dos palcos que a poderiam tornar numa artista de referência. Como manter a crença no destino artístico quando tal acontece? 

O teatro procura respostas. Celebremos quem o faz.

Realização: Tiago Manaia

Imagem e Edição: Mariana Margarido

Saiba mais
Carolina Almeida, Gaivota, Tchekhov, Poesia, Glória, Poemas, Declamar
Leia também

Entrevista Afonso Pimentel, o bom rebelde

Ator há mais de duas décadas, e com apenas 39 anos, Afonso Pimentel consegue reinventar a sua presença sempre que aparece no ecrã. Por causa de 'Glória', série de Netflix, quisemos ouvir o que sente relativamente ao mundo em 2021. Heróis, pandemia e negacionismo. Está tudo em vídeo.

Diogo Fernandes, na pista do Lux com o Andy Warhol de Gus Van Sant

Depois de ter esgotado o Teatro Nacional D. Maria II, o espetáculo ‘Andy’ ou 'Trouble' parte em digressão pela Europa. Em Roma, Faro, Paris ou Atenas, o jovem Diogo vai continuar a contar em palco, a ascensão e queda de um dos maiores artistas do século XX. Conversámos com o ator revelação.

As Mais Lidas