Beleza / Wellness

Diário de uma dieta: “Como foi fácil perder 5 quilos em 5 semanas”

Ao mesmo tempo que cumpre a dieta, a Catarina relata os desafios dos treinos e das suas caminhadas diárias, sempre com o auxílio da app da YES!diet.

27 de maio de 2021 Máxima
É oficial. Começo a notar diferenças no meu corpo e no meu pensamento quanto à alimentação e ao exercício físico. A minha última consulta revelou que já perdi quase 5kg, e ainda estamos na quinta semana. Tem sido um percurso desafiante, mas pensei que me custaria ainda mais. Mudar não é difícil, arranjar a vontade para o fazer, sim. 

O exercício físico foi o que me custou mais implementar, mas lá comecei as minhas caminhadas na Natureza, que são um escape ao dia a dia e me motivam a ficar ainda mais em forma. Para isso, tenho tido como maior aliada a app da YES!diet, que além de ter sugestões de treino, permite-me ser acompanhada em tempo real através da mesma. Devem estar a perguntar-se como funciona. É possível adicionar todas as refeições, para saber aquilo que comi, e contabiliza as calorias ao longo do dia. Também permite anotar a água que consumo. Para já, estou a divertir-me muito a experimentar os treinos possíveis: aeróbicos, funcionais, de força... eu é que escolho! Cria imediatamente um "menu" de treino. Resumindo: alimentação, hidratação e exercício. É uma app prática e intuitiva, não complica a nossa vida. Tento fazer as caminhadas pelo menos três vezes por semana, mas confesso que houve uma semana em que só fiz uma. Foi uma semana de logística difícil.
Catarina testa a app.
Catarina testa a app.


Updates sobre a minha alimentação: o kiwi e os frutos secos ajudaram-me a com o trânsito intestinal. Descobri que não adoro os crepes de vitela, mas também não se pode gostar de tudo. Entretanto aprimorei as panquecas, já não são iguais às da semana passada! Riam-se, à vontade. Começa a fazer calor, mal posso esperar por levar os snacks e as refeições frescas da YES!diet para a praia. Em breve conto-vos tudo.
Saiba mais
Yes Diet, Catarina, Dieta, Nutrição, Supermercado, Emagrecer, 12 semanas, Alimentação, Nutrir, Comer bem, Mudar vidas, Peso
Leia também

Emma Becker. A minha história na prostituição. “No bordel não via homens, mas seres humanos"

A escritora francesa Emma Becker trabalhou durante dois anos e meio num bordel em Berlim, onde a prostituição é legal e conta com proteção social. A Casa é um livro desconcertante, que aproxima o leitor de uma realidade que a sociedade tenta camuflar. Em França, como em Portugal, a prostituição é tolerada sem se enquadrar num quadro legal. Poderá esta publicação abrir o diálogo?

As Mais Lidas