Atual

Etiópia tem mulher presidente pela primeira vez

Sahle-Work Zewde foi nomeada pelos parlamentares etíopes esta quinta-feira após a renúncia de Mulatu Teshome. Pela primeira vez foi escolhida por unanimidade uma mulher.

25 de outubro de 2018 | Aline Fernandez

Sahle-Work Zewde entrou para a história do país africano ao ser nomeada como presidente pelos parlamentares etíopes. É a primeira vez que uma mulher é chefe de Estado na Etiópia.

Sahle-Work assumirá funções após a renúncia de Mulatu Teshome, que ocupava o cargo desde 2013. Até ao momento não foi dada nenhuma justificação relativamente à renúncia.

A diplomata torna-se assim a quarta líder desde a adoção da Constituição de 1995, que prevê o máximo de dois mandatos de seis anos cada. O presidente é oficialmente o chefe de Estado, mas a governação está nas mãos do primeiro-ministro Abiy Ahmed Ali, que representa o país. Na Etiópia, metade dos cargos do governo de Abiy são ocupados por mulheres.

A primeira mulher a presidir a Etiópia estava a trabalhar como representante especial do português António Guterres, Secretário-Geral das Nações Unidas, para a União Africana. Sahle-Work já foi embaixadora no Djibuti (Senegal), em França e Representante Permanente da Etiópia junto à Autoridade Intergovernamental para o Desenvolvimento.

Sahle-Work Zewde entrou para a história do país africano ao ser nomeada como presidente pelos parlamentares etíopes
Foto: Eduardo Soteras/AFP/Getty Images
1 de 3 Sahle-Work Zewde entrou para a história do país africano ao ser nomeada como presidente pelos parlamentares etíopes
Sahle-Work Zewde ao lado do primeiro-ministro Abiy Ahmed Ali, que representa o país
Foto: Eduardo Soteras/AFP/Getty Images
2 de 3 Sahle-Work Zewde ao lado do primeiro-ministro Abiy Ahmed Ali, que representa o país
A primeira mulher a presidir a Etiópia estava a trabalhar com representante especial do português António Guterres, Secretário-Geral das Organização das Nações Unidas, para a União Africana
Foto: Eduardo Soteras/AFP/Getty Images
3 de 3 A primeira mulher a presidir a Etiópia estava a trabalhar com representante especial do português António Guterres, Secretário-Geral das Organização das Nações Unidas, para a União Africana
Saiba mais Sahle-Work Zewde, Etiópia, presidente, mulher, África
Relacionadas

Apenas 17% das biografias da Wikipédia são sobre mulheres

Na Wikipédia, enciclopédia online, a disparidade do número de biografias de mulheres e homens na Wikipédia é uma realidade do agora. Fomos à procura de respostas para estes dados numa conversa com o sociólogo e investigador Bernardo Coelho.

O tráfico de meninas virgens na Jordânia

Refugiadas sírias, algumas de apenas 12 anos, são casadas em cerimónias falsas com homens sauditas, a troco de dinheiro, sendo usadas e abusadas sexualmente, e depois abandonadas.

A mulher que criou a app feminista

Aos 29 anos, Whitney Wolfe dirige um negócio de milhões e incita as mulheres, através da Bumble, a fazer o que não se espera delas: que tomem a iniciativa quando se interessam sexualmente por um homem.

Mais Lidas