Moda / Tendências

A história do segundo vestido de casamento de Diana que ficou perdido para sempre

Apenas a dupla de designers que idealizou o vestido de noiva de Diana sabe como era esta fascinante peça.

Foto: Getty Images
09 de fevereiro de 2021 | Rita Silva Avelar
Se todos os looks da princesa Diana se tornaram icónicos, e continuam a inspirar designers e coleções, o que dizer do seu vestido de noiva? Quase 40 anos após o seu luxuoso casamento real com o príncipe Carlos, a sua imagem a caminho do altar continuam bem presente no imaginário visual e a inspirar gerações atrás de gerações de noivas.

Em 1981, os designers que idealizaram o vestido de noiva de Diana, Elizabeth e David Emanuel, sabiam como este seria cobiçado pelos media, que quereria saber com antecedência todos os detalhes do vestido. De acordo com um artigo do jornal The Mirror, a dupla fez um grande esforço para manter o desenho secreto até ao grande dia (o que incluiu situações bizarras como a destruição dos esboços imediatamente depois de os mostrarem a Diana).
Princesa Diana, no dia do seu casamento.
Princesa Diana, no dia do seu casamento. Foto: Getty Images


Mas há uma história por detrás do vestido de noiva que torna tudo mais fascinante e misterioso. "Na altura, queríamos ter a certeza absoluta de que o vestido era uma surpresa", disse a designer Elizabeth à revista People, em 2011. "Se o segredo do vestido verdadeiro tivesse sido revelado, é possível que Diana tivesse realmente usado outro" diz, referindo-se a um segundo vestido que a dupla de criativos idealizou e começou a costurar para o caso da primeira escolha ser revelada antes do dia do casamento.

Segundo a Marie Claire, Elizabeth e David Emanuel trabalharam então num segundo look secreto para ter como substituto, caso o seu desenho para o primeiro vestido fosse de alguma forma revelado antes do casamento real. O vestido era um segredo tão grande, que nem a família real sabia da sua existência. No entanto, tal como os designrs revelaram ao jornal The Daily Mail, nunca terminaram o segundo vestido, que desde então desapareceu. "Simplesmente não tivemos tempo de o fazer na sua totalidade, pelo que nenhum dos bordados ou acabamentos foi terminado", explicou Elizabeth. "Não sei se o vendemos ou se o colocamos em armazém. Foi uma época tão ocupada. Tenho a certeza de que um dia vai aparecer num saco!"
Leia também
Saiba mais Diana, Elizabeth, Princesa, Realeza, Diana, Princesa Diana, Casamento Real, Principe Carlos, Realeza Britânica
Mais Lidas
Atual Uma novela gráfica dedicada à sexualidade feminina

Com um olhar atento e mordaz, a artista sueca Liv Strömquist expõe, na novela gráfica ‘O Fruto Proibido - Uma História Cultural da Vulva’, as mais diversas tentativas de domar, limitar e padronizar o sexo feminino ao longo da História. Acaba de ser publicada em Portugal e é tão divertida como acutilante.