Moda

Prada deixa de usar peles animais

A marca italiana anunciou que vai deixa de usar peles nas suas coleções. Esta proibição entrará em vigor em setembro deste ano para as coleções femininas primavera/verão 2020.
Por Ana Rita Paiva, 23.05.2019

Esta mudança surgiu em colaboração com a Fur Free Alliance, um acordo internacional de mais de quarenta organizações de proteção animal que trabalha para acabar com a crueldade contra os mesmos.
Num comunicado divulgado ontem, a diretora artística da marca, Miuccia Prada explicou que "o grupo Prada está envolvido na inovação e responsabilidade social [das suas marcas], e a nossa política livre de pele é uma extensão desse compromisso. Concentrar-se em materiais inovadores permitirá à empresa explorar novos designs enquanto atende ao pedido de produtos éticos. "
À Prada junta-se assim a uma série de outras marcas que prometeram deixar de usar materiais de origem animal nas suas coleções, como Gucci, Chanel, Burberry, Versace, DKNY e Coach.

Tags: fur free alliance miuccia prada prada burberry gucci versace chanel dkny animais
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!