Celebridades

A era das perguntas sexistas já devia ter terminado, mas não é bem assim…

Em 2019 ainda são muitas as celebridades que têm de responder ‘à altura’ para se defender. O último caso implica a atriz Nicole Kidman, que se encontrou numa situação para lá de indelicada – mas não foi a única.
Por Marta Vieira, 06.08.2019

O sexismo – ou, se quiser, a discriminação de género – não é mais do que um preconceito baseado no género ou no sexo de uma pessoa. Mas, na verdade, para quem o sofre na pele, é muito mais do que isso. Afeta-nos a todos, direta ou indiretamente e as celebridades não são exceção. Muitas figuras públicas, especialmente mulheres, têm que lidar com perguntas sexistas na sua profissão o que, claramente, já não devia acontecer.

Nicole Kidman é um desses exemplos. A atriz foi, recentemente, interrogada sobre a sua vida sexual e não gostou. Nicole Kidman encontrava-se a participar no programa de rádio australiano "Kylie & Jakie O", onde começou por falar da sua participação na segunda temporada da série Big Little Lies, onde contracena com Reese Witherspoon, Shailene Woodley, Meryl Streep e Zoë Kravitz, quando a conversa foi direcionada noutro sentido. O entrevistador fez referência a uma música (Gemini) do seu marido, Keith Urban, insinuando que a letra se dirigia a Kidman, com a frase "ela é uma maníaca na cama". A atriz demonstrou algum incómodo, revelando que nunca censuraria a arte do marido. A conversa continua e o entrevistador acaba por afirmar que o marido da atriz teria dito que ela acorda a meio da noite, para se divertir. Foi neste momento que Nicole Kidman se exaltou, acabando por mandar calar o locutor.

Da mesma forma, Taylor Swift decidiu que não responderia a uma pergunta que não fosse feita a um homem. A cantora fará 30 anos a 13 de dezembro deste ano. Quando um entrevistador alemão a questionou se estaria num ponto de viragem da sua vida e se gostaria de vir a ser mãe. A resposta de Taylor Swift foi pronta e direta, sem deixar margem para dúvidas: "Não acho que essa pergunta seja feita aos homens quando eles fazem 30 anos", disse, acrescentando "Eu não vou responder a isso agora.".

Muitas das vezes, as questões sexistas esbatem-se com a invasão de privacidade. Foi o que aconteceu a Chrissy Teigen. A modelo americana é conhecida pelas suas opiniões convictas e por revelar o que sente, sem filtro. Recentemente, partilhou no seu Twitter um desabafo. "Há uma pergunta frequentemente feita ao John [Legend], sobre como é que ele lida com a sua mulher…e eu não adoro isso". E continua: "Não estou zangada com ninguém que o tenha feito, entendo que somos muito diferentes, mas não estou muito interessada nisso".

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!