Comportamento Viver confinados e felizes?

Muitas pessoas já terão pensado o bom que seria estar fechadas em casa, durante uns dias, desfrutando de um isolamento saudável. Com um confinamento social como nunca se esperou assistir neste século e perante essa situação real e sem fim à vista, como é viver nela em partilha no mesmo espaço? Conviver-se em harmonia é possível hora após hora, dia atrás de dia? As respostas neste artigo garantem que sim.

Newsletter Revista “O amor é muito mais arriscado”

Pai, psiquiatra e professor. Mas também autor, apresentador, leitor, benfiquista, viajante, bom garfo e bom amigo. Júlio Machado Vaz diz-se um ouvidor, mas fala com a mesma intensidade com que escuta. Fomos descobrir as camadas de um homem a caminho dos 70 anos de idade. E da imortalidade.