Tendências

Os últimos anos de YSL no documentário que Pierre Bergé quis proibir

20 anos depois, Celebration é finalmente partilhado com o mundo.
Por Sara Nascimento, 15.11.2018

De 1998 a 2002, Oliver Meyrou foi uma espécie de sombra de Yves Saint Laurent. O realizador francês registou os últimos anos do designer na sua marca em nome próprio, dos últimos desfiles antes da reforma à organização do grandioso espetáculo que marcou a final do Campeonato do Mundo de Futebol de 1998.

O documentário foca-se no dia a dia na Yves Saint Laurent, gerida pelo próprio designer e pelo parceiro de sempre  nos negócios e no amor  Pierre Bergé. Um retrato cru e intenso da frenética realidade dos desfiles e do exigente trabalho no ateliê. Celebration, que chegou a ser exibido uma única vez no Festival Internacional de Cinema em Berlim, em 2007, foi imediatamente proibido por Pierre Bergé, que não gostou da forma como o designer foi aqui retratado nem da forma como a relação entre ambos foi representada.

Bergé processou Meyrou e ganhou o caso por nunca ter assinado nenhuma autorização relativamente ao direito do uso da sua imagem. Contudo, depois da morte de Saint Laurent, em 2008, e de Pierre Bergé, em 2017, esses mesmos direitos de imagem expiraram, permitindo que o documentário chegasse finalmente aos ecrãs.

Celebration mostra ainda, e de forma comovente, a debilitada saúde do icónico criador francês, especialmente nos seus últimos anos de trabalho.

A Fundação Pierre Bergé – Yves Saint Laurent referiu apenas num e-mail que não tinha comentários a fazer relativamente a Celebration, que já pode ser visto desde o dia 14 de novembro em França, dia do aniversário de Pierre Bergé.

Veja aqui o póster do documentário: 

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!