Celebridades

MacKenzie Bezos, ex-mulher do dono da Amazon, vai doar metade de sua fortuna

A escritora comprometeu-se a doar pelo menos metade de sua fortuna, atualmente estimada em 36 mil milhões de euros, à instituição solidária Giving Pledge. A decisão chega pouco tempo depois do divórcio do dono da Amazon, Jeff Bezos, que já elogiou a decisão da ex-mulher.

Foto: Getty Images
28 de maio de 2019 | Camila Lamartine

MacKenzie Bezos, ex-mulher de Jeff Bezos, fundador da Amazon, anunciou que assinou o Giving Pledge,  organização internacional solidária que inclui Bill Gates, Warren Buffett, Mark Zuckerberg e Michael Bloomberg, e que se destinanda à doação de fortunas para solidariedade. A decisão chega após a finalização do divórcio com o fundador e CEO da Amazon, Jeff Bezos, considerado o homem mais rico do mundo.

O casal separou-se no começo deste ano, após 25 anos de casamento, pouco antes do relacionamento de Jeff Bezos com uma jornalista norte-americana se tornar público. Sob os termos do acordo de divórcio anunciado em abril, Jeff reteve 75% das ações da Amazon e do poder de voto do casal enquanto MacKenzie recebeu apenas 4% da empresa.

A escritora não especificou como irá distribuir a sua riqueza através do Giving Pledge, mas os seus projetos anteriores sinalizam que se focará em questões de igualdade social e de género. "Além de qualquer ativo que a vida tenha alimentado em mim, tenho uma quantidade desproporcional de dinheiro para partilhar ", disse a escritora numa carta divulgada esta terça-feira, 28.

O ex-marido, Jeff Bezos, CEO da Amazon, tem sido criticado por não fazer mais, especialmente quando comparado a Gates, Buffett ou Zuckerberg, que planeia doar 99% de suas ações do Facebook para pesquisas científicas.

Saiba mais MacKenzie Bezos, Michael Bloomberg, Amazon, Jeff Bezos, Bill Gates, Mark Zuckerberg, Warren Buffett, Giving Pledge, divórcio, Facebook
Relacionadas
Mais Lidas