Celebridades

Lady Gaga lamenta ter trabalhado com R Kelly e promete não voltar a fazê-lo

A cantora pop escreveu uma declaração poderosa no Twitter classificando as alegações contra R Kelly de classificou de "horríveis e indesculpáveis".

Lady Gaga
Lady Gaga Foto: Getty Images
11 de janeiro de 2019 | Ana Silva

No início deste ano, o mundo revoltou-se contra o cantor R Kelly depois do canal de televisao Lifetime ter lançado o documentário "Surviving R Kelly". São seis episódios durante os quais várias mulheres acusam o cantor de 52 anos de abuso sexual. Face às acusações, as autoridades da Georgia e de Chicago, nos Estados Unidos da América, iniciaram uma investigação criminal ao cantor.

"Acredito a 1000% nestas mulheres e sei que estão a sofrer. As suas vozes devem ser ouvidas e levadas a sério." Lady Gaga escreveu no Instagram. "Como vítima de agressão sexual, fiz essa música [Do What You Want] num momento sombrio da minha vida. A minha intenção era criar algo extremamente desafiador e provocador porque eu ainda não tinha processado o trauma."

Após a polémica, a cantora decidiu retirar do iTunes este mesmo tema, Do What U Want, que contava com a colaboração de R Kelly e pediu desculpa por algum dia ter trabalhado com ele. A própria filha de R Kelly partilhou que "o monstro de que vocês estão a falar é o meu pai e eu estou bem ciente do que ele é. Eu cresci naquela casa."

Os streamings de temas de R Kelly aumentaram após o lançamento do documentário e até agora nenhuma das acusações foi confirmada.

Saiba mais lady gaga, r kelly, música
Relacionadas

O mistério Eva Green : "Eu não sou uma mulher fatal, nem uma sedutora"

Tem uma carreira fulgurante, mas revela uma contenção crónica. Possui um físico de mulher fatal, mas exala uma timidez embaraçosa. Por mais espantada que fique, esta fascinante atriz e musa dark de Tim Burton é um mistério muito cinematográfico. Conversámos com a embaixadora da Casa Bulgari, em Roma.

Mais Lidas