Celebridades

O desfile de estrelas continua no Festival de Veneza de 2019

De 28 de agosto a 7 de setembro todos os holofotes estão virados para Itália, país onde decorre aquele que é o mais antigo festival de cinema do mundo. A par das estreias dos novos filmes, as celebridades continuam a chegar à passadeira vermelha.
Por Marta Vieira, 03.09.2019

Um dos mais aguardados e reputados eventos anuais da sétima arte começou a semana passada. Falamos do Festival de Cinema de Veneza, que todos os anos exibe o melhor do cinema do momento, ao mesmo tempo que recebe as personalidades mais emblemáticas da indústria do cinema, mas não só. Comecemos por falar em Brad Pitt, que chegou no segundo dia do festival para a estreia do filme Ad Astra e que não deixou ninguém indiferente ao seu charme inconfundível, muito ao estilo de Hollywood. Entre as primeiras estrelas a chegar também esteve Liv Tyler, sempre sorridente, ou Scarlett Johansson ou Adam Driver, que surgiu discreto.

Com o passar dos dias juntaram-se outros nomes sonantes do cinema como Penelope Cruz, Rooney Mara, Cate Blanchett ou Kristen Stweart. Até agora as as presenças mais icónicas foram Juliette BinocheCatherine Deneuve e Meryl Streep, sempre sofisticadas e elegantes. Este ano foi a vez da atriz britânica Julie Andrews, de 83 anos, levar o Leão de Ouro pela sua carreira. Por sua vez e do mundo da moda, assinalam-se as presenças das sempre esculturais e bonitas modelos Isabeli Fontana, Candice Swanepoel, Elsa Hosk ou Barbara Palvin cujas presenças não deixaram ninguém indiferente. Também a modelo portuguesa Sara Sampaio marcou presença, encantando Veneza. Mas são mais, muitas mais, as estrelas que lhe mostramos na fotogaleria.

A acontecer pela 76ª edição, o Festival de Veneza decorre, como já vem sendo habitual, no histórico Palazzo del Cinema, na ilha de Lido. Tem um júri presidido pela cineasta argentina Lucrecia Martel, sendo a abertura feita pelo drama franco-japonês The Truth de Hirokazu Kore-eda (vencedor da Palma de Ouro com Assunto de Família, em 2018) e o encerramento pelo filme The Burnt Orange Heresy do italiano Giuseppe Capotondi. Este ano e, ao fim de catorze anos, há um filme português a competir pelo famoso Leão de Ouro, prémio máximo entregue pelo festival. Se o ano passado foi a vez de Roma de Alfonso Cuarón ganhar a estatueta, desta vez, pode ser que haja oportunidade para A Herdade de Tiago Guedes. A propósito do filme português, já chegaram a Veneza os atores Sandra Faleiro, Vitoria Guerra, Albano Jerónimo, Ana Vilela da Costa, entre outros. Também o produtor do filme, Paulo Branco e o seu realizador, Tiago Guedes, estiveram presentes.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!