Celebridades

Melania Trump afirma que ser capa da ‘Vogue’ é superficial

Primeira-dama americana diz que não quer ser capa da icónica revista de moda.
Por Camila Lamartine, 16.04.2019

A directora da Vogue norte-americana, Anna Wintour sugeriu numa entrevista à jornalista Christiane Amanpour, para CNN, que a actual primeira-dama dos Estados Unidos não se encaixava na sua linha editorial, elogiando Michelle Obama e a senadora Kamala Harris, que já apareceram diversas vezes na revista. "Para nós, são ícones e inspiram outras mulheres ", afirmou a diretora.

Isso bastou para que Melania Trump comentasse com a Fox News, através da sua porta-voz Stephanie Grisham, que a capa da publicação de moda norte--americana não definia a primeira-dama. "Além disso, ela já fez isso, bem antes de ser primeira-dama. A sua função actual é mais importante do que uma superficial sessão de fotografias",  disse Grisham, sugerindo que a imprensa de moda é bastante tendenciosa.

Melania apareceu na capa da Vogue em Fevereiro de 2005, usando o seu vestido de noiva Dior, avaliado em 200 mil dólares, na altura do casamento com Donald Trump. Várias primeiras-damas já foram capa da Vogue Us, como Hillary Clinton em 1998 e Michelle Obama em 2016, a quem Wintour chama de amiga: "Ela tem sido notável em muitos aspetos – e ainda é, veja o incrível sucesso do seu livro - e fiquei muito feliz por ver como abraçou a moda de forma tão democrática", disse ainda à CNN.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!