Celebridades

Ator Ezra Miller envolvido em agressões inexplicáveis. As teorias sobre o que se passa

O ator está no Havai, e já foram várias as situações de violência que protagonizou. Desta vez, sabe-se agora que jogou uma cadeira contra uma jovem que lhe pediu que abandonasse a casa onde estavam.

Foto: Getty Images
20 de abril de 2022 Máxima
Primeiro, no final de março, os media deram conta de que Ezra Miller, ator de 29 anos, não-binário e estrela de As Vantagens de Ser Invisível (2012) ou protagonista de The Flash, tinha agredido uma mulher num bar de karaoke no Havaí. Tudo aconteceu, aparentemente, por Ezra não gostou da forma como a mulher cantou Shallow, de Lady Gaga com Bradley Cooper, e tirou-lhe o microfone das mãos. Nesse mesmo dia, entrou no quarto de um casal ameaçando matar a mulher.

Mas o ator não se ficou por estes desacatos. A passar ainda férias em Puna, no Havaí, perto de Pahoa, o ator agrediu uma jovem de 26 anos que lhe terá pedido para abandonar um encontro social numa casa privada, avança a revista The Rolling Stone. Como não gostou, Ezra Miller atirou-lhe com uma cadeira. Entretanto notificado e libertado pelas autoridades, o ator tem sido visto a ter estes e outros comportamentos que revelam agressão.

O site Vox reconstrói a vida pessoal e carreira do ator para encontrar explicações, alegando que esta sua veia mais explosiva já existia. O ator, que foi criando em berço de ouro em Nova Jersey, conheceu a fama muito cedo. Com um pai que era um proeminente editor de Nova Iorque, e uma mãe que foi uma bailarina contemporânea de sucesso - Miller destacou-se ao cantar ópera enquanto ainda era criança, estreando-se em Nova Iorque na ópera White Raven de Philip Glass no Lincoln Center em 2001. Tinha 8 anos. Aos 15, fez a sua primeira aparição na televisão, na série Californication, e mais tarde em Temos de Falar Sobre Kevin, de 2011, ao lado de Tilda Swinton, e As Vantagens de Ser Invisível, de 2012, ao lado de Emma Watson. 

Nesse mesmo ano, Miller conduzia com um farolim partido, foi mandado parar, e acabou por ser detido por posse ilegal de marijuana e conduta desordeira. Mas até aqui, e embora tenha sido chamado presente a um juiz, não se assinalaram casos graves. Acabou por ser recrutado para The Flash, da DC Comics, papel que agora pode estar comprometido.

O primeiro incidente mais grave aconteceu num bar em Reykjavik, Islândia, em abril de 2020, avança o The Vox, quando um grupo de fãs se aproximou de Miller, que se tornou cada vez mais agitado.
Enquanto falava com uma mulher, Miller perguntou-lhe abruptamente: "Queres lutar?" antes de a agarrar pelo pescoço, sufocando-a, e empurrando-a contra o chão - um momento capturado brevemente num vídeo que ainda circula na internet. Se alguns fãs pensaram que o incidente poderia ser uma piada, já a revista Variety escreveu que Miller tinha ficado "frustrado e zangado" e tinha sido escoltado para fora das instalações.
Saiba mais
Celebridades, Atualidade, Agressões, Ezra
As Mais Lidas