Tendências

A Chanel transformou o Grand Palais numa praia

O surpreendente cenário teve direito a areia, céu azul, mar, ondas e até um nadador salvador.
Por Aline Fernandez, 03.10.2018

Céu azul, areia branca, ondas do mar. Poderia ser uma praia no sul da França, mas foi o cenário que Karl Lagerfeld, diretor criativo da Chanel, criou no Grand Palais, em Paris, para o desfile da coleção primavera/verão 2019 da maison.

O espírito foi de liberdade e, claro, sofisticação, tal como a Chanel já nos habituou. Os tecidos variaram entre o clássico tweed e o chiffon, passando pelo crepe, as rendas, a sarja de algodão ou a ganga. Já a paleta de cores incluiu tons tão apetecíveis como o amarelo vivo, o bege bronzeado ou o menta.

O fato ganhou novos volumes, com ombros largos, mangas alargadas, saias com cortes laterais e calças largas. Os macacões também foram XL a contrastar com casacos curtos e minivestidos em tweed. Alguns casacos de corte masculino foram combinados com calções ou leggings de ciclismo.

Nos acessórios, vimos o lettering da Chanel ser dividido em duas sílabas para adornar cintos, brincos e colares. Destaque ainda para os visores de pala dupla, os chapéus de abas largas em palha com franjas e as braceletes XXL. Os mules acrescentaram elegância à passerelle, com pequenos saltos em plexiglass e detalhes em cortiça.

As carteiras em tweed e tranças, ou com bordados, foram transportadas em duo. Já as malas de praia grandes surgiram em ganga e palha, enquanto os sacos de rede multicolor completam a coleção. Finalmente, os minaudières assumiram a forma de conchas ou pequenas bolas de praia.

A Chanel transformou o Grand Palais numa praia
Tags: chanel desfile moda primavera verão paris semana de mosa grand palais praia
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!