Atual

Too Good To Go junta arte a uma iniciativa de combate ao desperdício alimentar

A empresa dinamarquesa, que entrou no mercado português em 2019, lançou uma iniciativa artística para alertar e educar para o impacto do desperdício alimentar.

Foto: Too Good To Go
15 de junho de 2021 | Fabiana Ramos

"Arte Contra o Desperdício Alimentar" é a mais recente iniciativa pensada pela Too Good To Go, aplicação criada para combater o desperdício alimentar, com a finalidade de alertar e ensinar acerca do tema, através da arte.

Para esta iniciativa, a empresa dinamarquesa convidou 14 artistas emergentes de diferentes países onde a aplicação está presente, de Portugal à Holanda, que foram desafiados a apresentar a sua perspectiva do desperdício alimentar através de arte. São eles o artista espanhol 72kilos, a ilustradora sediada em Paris Lorraine Sorlet, a dupla de criativos Supermercat da Dinamarca, entre muitos outros que de países como itália (Elisa Macellari), Alemanha (Laura Breiling), Polónia (Hannah Cieslak), Suíça (La Mayo), Suécia (Maja Säfström); Áustria (Maria Kondratieva); Bélgica (Laura Janssens); Holanda (SEEYOUSIOE); Noruega (dupla criativa Guttestreker) e Reino Unido (Rosa Kusabbi). Em Portugal, a Too Good To Go conta com a colaboração do artista multidisciplinar Pedro Campiche, conhecido por AKACORLEONE, que nos apresenta o print - No Waste. Just Pleasure.

O artista português AKACORLEONE e o print 'No Waste. Just Pleasure'
O artista português AKACORLEONE e o print 'No Waste. Just Pleasure' Foto: Too Good To Go

Esta colaboração resultou em 14 prints (feitos num papel amigo do ambiente, à base resíduos de frutas cítricas, uvas, cerejas, lavanda, milho, azeitonas, café, kiwis, avelãs e amêndoas) para venda de edição limitada e exclusiva, sendo que os lucros são revertidos a favor do Programa Mundial de Alimentos da ONU (PMA).

Leia também

Paralelamente, a empresa criou de 10 prints que espelham a sua essência e criatividade, e que visam fornecer conselhos mais práticos que podemos aplicar em casa, desde guias alimentares sazonais ou dicas de receitas para reaproveitar alimentos na sua totalidade.

Alguns dos prints da coleção de arte
Alguns dos prints da coleção de arte Foto: Too Good To Go

A exposição foi inaugurada no Hotel Memmo Alfama, onde foram também exposa uma coleção paralela de posters da Too Good To Go, criada com o intuito de alertar e fornecer conselhos práticos que se podem aplicar em casa, desde receitas para alimentos que sobraram a guias alimentares sazonais. A exposição é gratuita e estará patente Centro Colombo em Lisboa, e no NorteShopping no Porto entre os dias 15 e 30 de junho.

Evento de inauguração da coleção de arte e o Bar Zero Desperdício
Evento de inauguração da coleção de arte e o Bar Zero Desperdício Foto: Too Good To Go
Leia também

O evento de inauguração, que aconteceu no Dia Mundial do Meio Ambiente, contou com um Bar Zero Desperdício – onde estavam presentes marcas nacionais de cerveja artesanal parceiras da aplicação, tais como a bem como um Catering Zero Desperdício, onde foi recriado um menu através de excedentes do pequeno almoço do hotel onde se localizou o evento. Cake pops, croissants recheados, açorda de camarão e gaspacho de morango, foram algumas das iguarias servidas. Algo em linha com os objetivos da Too Good to Go, uma empresa que já salvou cerca de 190 mil toneladas de CO2e de serem emitidas na atmosfera.

Marcas parceiras da iniciativa
Marcas parceiras da iniciativa Foto: Too Good To Go

Os prints estão disponíveis no site. Os prints de artistas (edição limitada) custam €15 e os prints da Too Good To Go (edição ilimitada) custam €12,50.

Leia também
Saiba mais Too Good To Go, ambiente, iniciativa, aplicação, arte, coleção, prints, Desperdício Alimentar, Portugal, AKACORLEONE, Bar Zero Desperdício, questões sociais, bens de consumo, alimentação, economia, negócios e finanças, sociedade (geral)
Mais Lidas