Artes Julião Sarmento, o artista sem medo

Acabamos de perder, aos 72 anos, um dos maiores, mais modernos, diversos e internacionais artistas portugueses. O seu legado atravessa a pintura, o desenho, a escultura, a fotografia, o filme, a instalação e a performance. E mais houvesse, Julião Sarmento era um exemplo de generosidade e abertura ao mundo. "Era muito intenso, tinha um lado emocional muito forte que ocupava em nós um grande espaço emocional também" lembra Delfim Sardo.

Culturas Páginas da revolução

Uma lutou contra o regime de Salazar, a outra é filha do último líder do Estado Novo. Mulheres antes do feminismo de agora testemunharam a mudança e a luta pela liberdade.

Tendências As it-royal de quem toda a gente fala

As princesas modernas não se limitam a ser simpáticas, falar várias línguas, ter cultura geral e vestir de acordo com o protocolo. Hoje também têm contas de Instagram, poder de escolha sobre as suas vidas e, claro, uma paixão por moda.

+Carregar mais