Moda

Uma marca portuguesa, com certeza

As it-bags portuguesas que estão a dar que falar nascem pelas mãos de Eliana Tomáz. Falámos com a designer para perceber o conceito da TOMAZ.
Por Máxima, 05.04.2016
Nasceu em Portugal, viveu em Londres onde estudou numa das mais reputadas escolas de arte e design, a Central Saint Martins, e licenciou-se em Spatial Design. Foi antes de ir para a capital inglesa que abriu o seu primeiro atelier de decoração de interiores, confessou numa entrevista à Lux Woman.
Viveu cinco anos fora e enriqueceu a sua experiência na área do design, o que lhe permite, hoje, explorar novas paixões e aplicar o know-how nesta área. Para além da paixão pelo design, Eliana partilha todas as outras no seu blogue I Design Therefore I Am, onde publica tudo o que se relaciona com arte, receitas, dicas de styling de interiores, fotografia…
E foi também onde surgiu o separador TOMAZ SHOP, a loja online da marca TOMAZ, um projeto recente, idealizado por Eliana. Quisemos saber mais sobre as primeiras criações, a Unomono, uma coleção de tote bags às riscas pretas e brancas, a Francis e a Francis Petit, ambas tote bags em tons de cinza, a Dance, uma linha desenhada a pensar nas bailarinas e a novidade, a shoulder bag Antonia, ideal para os dias de primavera.
 
Do design de interiores para o design de moda - como se deu esta transformação?
Ainda que a minha base durante muitos anos tenha sido o design de interiores, desenhei muito mobiliário e produtos. Quando voltei de Londres comecei a trabalhar numa empresa portuguesa de mobiliário contemporâneo como Gestora de Contas Internacionais e Responsável de Marketing onde conseguia conjugar, mais uma vez, o produto e o espaço. Entretanto fiquei sem emprego e literalmente com muito tempo nas mãos. Como lançar uma marca de Home Design requer mais investimento e recursos, decidir baixar a fasquia e começar com passos mais pequenos e com produtos onde eu conseguisse ser mais autónoma. De certa forma não houve um plano exaustivo na transformação. Acho que me deixei ir pela corrente e quando dei por mim já cá estava (até porque sempre boicotei o mundo da moda!). 
 
De onde surge o sonho de dar vida à marca Eliana TOMAZ?
Creio que no meu imaginário sempre pairou um cunho com o meu nome e sempre que pensava nisso sorria - quando sorrimos é bom sinal, não é? 
Mesmo antes de começar a desenvolver a TOMAZ, esbocei um plano para lançar-me na representação de marcas portuguesas nos mercados internacionais com os quais já tinha trabalhado. No levantamento dessas marcas e outras internacionais que são produzidas em Portugal percebi que estava numa posição privilegiada, ou seja, que tenho a qualidade à mão de semear. O passo lógico foi arriscar o sonho - já está agora vamos ver até onde consegue ir.  
 
Como pensas as tuas coleções? É algo espontâneo, ou tem uma história por detrás?
As minhas colecções têm todas histórias por detrás, todas vêm de algum momento, de um comentário, de uma necessidade ou até mesmo de uma falha. A 2ª colecção (FRANCIS) foi desenvolvida a partir de melhoramentos da 1ª (UNOMONO) e a 3ª (ANTÓNIA) a partir de notas e reparos da 2ª. Claro que têm sempre pormenores novos, mas nunca vêm do vazio. Acho que em design nada é espontâneo - tudo é muito pensado. 
 
Onde podemos encontrar o teu trabalho?
Para já no meu website www.idesignthereforeiam.net. Em breve a TOMAZ terá um website próprio. 

Por Rita Silva Avelar
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
4 Comentários
Isabel Zambujal Parabéns vizinha-amiga. Proud!
06.04.2016 @facebook
Pedro Vieira Cool !
06.04.2016 @facebook
Helena Rodrigues Parabéns Eliana Tomáz ;)
06.04.2016 @facebook
Dulce Gonçalves Parabéns miúda! vais longe! com calma e determinação tudo se consegue Parabéns!bj
05.04.2016 @facebook
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!