C-Studio i

C-Studio

5 peças essenciais para ter no armário de primavera-verão

Numa altura em que a onda da sustentabilidade na moda faz cada vez mais sentido, há que saber fazer as escolhas certas. As tendências, as peças essenciais, os materiais… Este é o armário que nos deixa abraçar o maximalismo e a diversão sem complexos.
Por Máxima, 05.03.2020

David Bowie, Iggy Pop, Jim Morrison, Mick e Bianca Jagger, Jimi Hendrix, Cher, Diana Ross, Karl Lagerfeld, Yves Saint Laurent, Diane Von Furstenberg, Joni Mitchell, Anita Pallenberg, Catherine Deneuve… Todos têm algo em comum – além de terem desfrutado dos melhores tempos da vida no mítico Studio 54, em Nova Iorque, moldaram uma década, foram musas de alguns dos maiores designers do mundo e ainda hoje fazem parte do núcleo restrito de inspiração incessável.

A primavera-verão de 2020 é uma ode aos heróis de culto dos anos 70. Silhuetas flare, patchwork, decotes longos a nú, padrões florais e tecidos fluidos, muito tailoring, cabelos ao natural e ao sabor do vento exalam a exuberância da confiança, do bold e do cool próprios da década. Regressar aos sonhos dos seventies e abraçar o maximalismo não é um passo atrás na viagem da sustentabilidade. A nova colecção de primavera-verão da Mango, cuja campanha foi fotografada no México e dá continuidade ao conceito shared moments, é a prova de que se pode seguir tendências e ser eco-consciente. São peças para durar uma vida!

Todas as peças da nova campanha da Mango são inspiradas nos anos 70 e criadas com tecidos 100% sustentáveis, como fibras recicladas e algodão sustentável.

Estas são as cinco razões para se dedicar inteiramente à homenagem dos anos 70 e encher o guarda-roupa com peças imprescindíveis de primavera-verão:


1. Um colete


Camisa, €29,99; colete, €29,99; calças, €39,99; óculos de sol, €19,99; sandálias, €69,99.


Numa perfeita ode aos 70s, o colete está de volta para ser usado com camisas, t-shirts, camisolas ou até mesmo directamente sob a pele. Marcou presença na homenagem da Yves Saint Laurent a Karl Lagerfeld e Anita Pallenberg e não passou despercebido na colecção de Marc Jacobs. Coloridos e de corte mais formal, são o par perfeito para os padrões florais.



2. Uma peça em crochet


Trench coat, €129,99; blusa, €39,99; calças, €35,99; colar, €19,99; carteira, €29,99.


O artesanal e o natural são tendência generalizada nas colecções de primavera-verão. Este ano não é excepção. As peças de malha, crochet ou macramé voltam a inundar as colecções da temporada, desta vez em polos, vestidos e calças. O jogo de transparências e as sobreposições são a chave para um look confiante e glowing.


Primavera-verão 2020 com a Mango


A nova campanha primavera-verão da Mango reflecte o carácter íntimo dos momentos partilhados e reforça o conceito de togetherness.

As imagens e o vídeo foram captados pelo icónico fotógrafo britânico Glen Luchford, numa celebração genuína dos momentos de cumplicidade, naturalidade e intimidade da comunidade Mango.

Para reforçar este sentimento, a marca lançou a iniciativa Your choices make us, deixando nas mãos dos seguidores da Mango algumas das decisões sobre a campanha e esta nova colecção. O projeto foi pioneiro e juntou mais de 11 milhões de seguidores.


3. Um vestido romântico


Vestido, €69,99; óculos de sol, €19,99; colar, €19,99; anel, preço sob consulta; sandálias, €59,99.


Mangas abalonadas, tecidos esvoaçantes, vestidos comprimidos e prints florais evocam um novo romanticismo para usar e abusar no dia-a-dia. Um vestido romântico pode ainda ser minimal desde que com ligeiras mudanças: em tecido leve e fresco, com jogo de aberturas, decotes e a aposta numa cor pastel ou em tons terrosos para brindar o tempo quente.



4. Jeans de inspiração retro


Jeans, €39,99; colete, €29,99; óculos de sol, €19,99; sandálias, €59,99; colar, €19,99.


Sempre de cintura alta, com corte reto ou boca-de-sino, mesmo que ligeiramente. As calças de ganga adoptam uma estética totalmente retro nesta estação, seja em ganga branca ou azul. Para sair da zona de conforto, experimente um look denim-on-denim, que nem sempre tem de nos fazer lembrar o par Britney Spears/Justin Timberlake nos American Music Awards!


"O interesse pela moda, cultura, estilo e arte é o componente comum entre a marca e a sua comunidade e o objetivo que torna fundamental a criação de espaços e conversas partilhadas em todas as suas comunicações" Mango

5. Um fato clássico


Blazer, €69,99; camisa, €29,99; calção, €39,99; sandálias, €69,99; carteira, €35,99.


As peças em tailoring são um bom investimento para qualquer estação do ano. O que vai mudando são os materiais e, talvez, as cores. Se para o outono-inverno o ideal é uma construção em lã, na primavera-verão os tecidos devem ser mais respiráveis. Mantém-se firme o corte alongado. Para quem não tem medo de pisar riscos, há uma proposta irreverente: o calção clássico cujo corte cai logo abaixo do joelho. Porque não experimentar?


A nova coleção está a chegar às lojas. Se não aguenta a espera, temos uma boa notícia: já está disponível no site da Mango! Conheça estas e outras peças sustentáveis que vão encher o guarda-roupa de cor, leveza e frescura.

Tags: mango moda tendências novidades primavera verão 2020
Partilhar
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!