Autor

Helena Matos

Últimos artigos publicados

Últimos artigos publicados
Doce, histórias da girls band que pôs Portugal a cantar

Culturas

Doce, histórias da girls band que pôs Portugal a cantar

Quando no início de 1980 as ouvimos, pela primeira vez, a televisão era a preto e branco, o Conselho da Revolução fazia as vezes do Tribunal Constitucional e Eusébio dizia adeus aos relvados. Quando as Doce terminaram, seis anos mais tarde, as noites iam dar ao Bairro Alto e organizavam-se excursões para fazer compras no Centro Comercial das Amoreiras. Eram os fabulosos anos 80. As Doce foram parte dessa mudança. Há 40 anos.
Por Helena Matos, 26.11.2019
As festas milionárias em Portugal nos anos 60

Celebridades

As festas milionárias em Portugal nos anos 60

Durante uma semana, o muito dinheiro luziu em três festas memoráveis, contra o que era a norma provinciana em Portugal. Foram as festas milionárias, em setembro de 1968, oferecidas ao verdadeiro jet set internacional por um boliviano, um francês e, admiremo-nos, um português. Cinquenta anos depois fazemos-lhe um convite: entre nesses antros exclusivos de fama e de riqueza na companhia dos melhores cicerones e, no final, não diga adeus. Parta como uma estrela.
Por Helena Matos, 05.11.2019
Adeus, princesa

Culturas

Adeus, princesa

Haya da Jordânia, casada com o emir do Dubai, fugiu para a Europa, onde pediu asilo político e o divórcio. Logo se disse estarmos perante mais uma fuga da jaula dourada protagonizada por uma princesa árabe. Talvez. Mas o mistério desta princesa em fuga com dois filhos e uma mala com 35 milhões de euros não começa em 2019. Afinal, o que levou Haya a entrar nessa jaula há 15 anos?
Por Helena Matos, 18.07.2019
Os segredos da herdeira da Zara

Celebridades

Os segredos da herdeira da Zara

Marta Ortega podia ser apenas a filha do dono da Zara e uma das mulheres mais ricas do mundo. Mas sendo isso ela é também o rosto da transformação do Grupo Inditex de um gigante do têxtil num criador de tendências. Sobretudo é uma mulher que não se conformou com a maldição da pobre menina rica.
Por Helena Matos, 16.01.2019