Viagens & Gourmet

Cocktails de verão: aprenda a fazer um bestseller tailandês

Sem ideias para surpreender os amigos num jantar ao fim da tarde? Receba-os (e surpreenda-os) com o cocktail de assinatura de um dos bartenders mais premiados da Ásia e um dos melhores do mundo.
Por Rita Silva Avelar, 30.07.2019

O Seen by Olivier e o Sky Bar by Seen, os dois restaurantes e bares que estão no Tivoli Avenida, desafiaram o head bartender do Seen Bangkok, Mochammad Fadli, a vir a Lisboa demonstrar a arte da mixologia. Com as suas vistas panorâmicas sobre a cidade de Lisboa, o rooftop do Tivoli Avenida é o sítio perfeito para beber um cocktail. Desafiada pelo Seen, a Máxima aprendeu a fazer o cocktail "Don’t Call Me Mr. Mule" com o indonésio Mochammad Fadli, originário de Jacarta.

"Estou há 20 anos nesta indústria, já passei por sete países desde os Emirados Árabes Unidos (estive sete anos no Dubai), ao Camboja, onde estive um ano, e a Sidney. Depois abri um pequeno bar na Indonésia com os meus primos, mas voltei a sair para a China, e estive um ano em Pequim e outro em Xangai" conta, sobre o seu percurso. "Hoje estou em Bangkok. Adorei a Austrália porque a cultura da mixologia lá é próxima à da Indonésia. O mais difícil na profissão é convencer as pessoas a provar coisas diferentes, não pedirem apenas o clássico mojito. Às vezes não tem a ver com dinheiro, as pessoas apenas querem ficar na zona de conforto". E o cocktail perfeito? "Tem que ter equilíbrio, não interessa se tem fruta, se é forte ou se é seco, claro que a percentagem [de álcool] tem que estar equilibrada" explica à Máxima. Veja o vídeo e aprenda a fazer o cocktail "Don’t Call Me Mr. Mule".

Receita Cocktail "Don’t Call Me Mr. Mule"

  • Erva-cidreira;
  • Vodka Absolut Elyx;
  • Licor de côco;
  • Sumo de limão;
  • Xarope de gengibre;
  • Lima kaffir;
  • Cerveja de gengibre
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!