Gourmet

10 truques para preservar frutas e legumes no verão

É necessário um cuidado adicional no que toca ao mantimento de frutas e legumes frescos, no verão. Descubra as melhores formas de aproveitar ao máximo estes bens alimentares.
Por Marta Vieira, 09.08.2019

O desperdício alimentar constitui uma problemática global que deverá ser reportada a todos nós, no geral e também, individualmente. Considera-se por "desperdício" qualquer tipo de perda de comida que ocorra na cadeia alimentar, desde a produção até ao consumo. Os números são alarmantes, estima-se que um terço de toda a comida produzida acabe, de alguma forma, no lixo. Este facto tem repercussões na economia, no ambiente e nas nossas consciências, pois, simultaneamente, existem milhões de pessoas, em todo o mundo, a sofrer com a fome. Desta forma, organizamos algumas sugestões para preservar alguns dos produtos alimentares mais perecíveis e sensíveis à passagem do tempo e àscondições atmosféricas: as frutas e os legumes.

1. Organize-se. Compre os produtos frescos, regularmente. Contrariamente a certo tipo de comida que pode ser adquirida nas "compras do mês", no que toca a frutas e legumes o truque é ir comprando, aos poucos, mas com regularidade. Assim, os produtos são consumidos à medida que são adquiridos, para evitar que se esqueça que os comprou;

2. Frigorifico? Só de vez em quando. Coloque os frutos no frigorífico, unicamente se já estiverem maduros. A verdade é que o frio altera o seu sabor e facilita o surgimento de fungos, por isso, lembre-se, somente se um fruto estiver quase a deteriorar-se é que deve colocá-lo a temperaturas mais baixas;

3. Coma os frutos "menos bonitos" primeiro. Aquela peça de fruta com alguma marca, arranhada ou com uma pequena deformação, provavelmente não lhe fará mal à saúde, é apenas uma questão estética. Por isso coma-a em primeiro lugar;

4. Saiba proteger a comida. Utilize algo para proteger a fruta que já abriu e guardou no frigorífico. Por exemplo, poderá querer envolver parte da melancia que já abriu com pelicula aderente;

5. Truque da rolha. Caso tenha estragado a fruta, sem querer, há uma forma de evitar os maus cheiros no lixo. Corte uma rolha ao meio, e coloque-a no lixo para absorver a humidade das frutas e legumes. É ainda uma forma de repelir mosquitos ou pequenos insetos;

6. Há frutas mais sociáveis que outras. A banana, a manga, e o melão, por exemplo, são o tipo de fruta que vai querer manter afastada de outras. O problema? Algumas frutas, mesmo depois de colhidas continuam a libertar um hormônio vegetal, o etileno. Outros alimentos como maçãs, cenouras e brócolos serão sensíveis a este tipo de gás, o que acelera o seu amadurecimento;

7. Organize os frutos e vegetais na própria cesta. Sob pena de se deteriorarem com o peso uns dos outros. Coloque as frutas mais sensíveis (morangos, mirtilos, framboesas, uvas, etc.) sempre por cima das mais robustas;

8. Frutos e legumes "claustrofóbicos". Não feche os legumes em caixas, é necessário para as mesmas que o ar circule, por isso escolha cestas e recipientes onde isto seja possível;

9. Se não tem tempo, congele. Caso tenha comida a mais que saiba que não vai conseguir comer, então corte em pedaços, no caso os frutos e legumes e congele as porções em pequenos sacos no congelador. Se isto for feito logo após os legumes serem colhidos, vai manter o seu sabor e frescura;

10. Não tenha mais olhos que barriga. Compre somente fruta e legumes, e comida em geral, que saiba que vai mesmo ingerir. Faça uma lista para se organizar e pense nos pratos que vai cozinhar atempadamente, isto evita um tremendo desperdício de recursos do nosso planeta.

Tags: lifestyle frutas e legumes alimentação bens de consumo questões sociais desperdício alimentar
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!