Fitness & Nutrição

Estes alimentos são mesmo saudáveis? Guia para fazer as escolhas certas

Há alimentos que podem ser bons para a saúde, mas que devem ser consumidos com moderação. Saiba o que deve comer e em que quantidades.
Por Sara Nascimento, 05.02.2019

Muitas vezes caímos no erro de abusar de determinados alimentos porque achamos que são saudáveis. Nozes, frutas ou iogurtes naturais são sempre boas escolhas, mas sabe qual a quantidade de calorias e açúcares destes alimentos? O segredo está nas quantidades.

Tâmaras
Estão entre as frutas mais doces e contêm cerca de 282 calorias. Podem ser consumidas frescas ou mesmo "secas" como as passas e ameixas. São ricas em fibras, potássio, vitaminas e são altamente energéticas e ricas em fibras. No entanto, também contêm elevados níveis de açúcares naturais, por isso não são a escolha mais indicada para a perda de peso nem para quem é intolerante à lactose.

Barras de cereais
Ainda que práticas para levar para todo o lado, as barras de cereais nem sempre são a escolha mais saudável. Apesar de vendidas como amigas da dieta, estas são pequenas transportadores de açúcares, gordura e por sua vez, calorias, chegando mesmo às 300 calorias. Uma barrita pode chegar a ter mais do que o correspondente a um pacote de açúcar, por isso, nunca devem servir como substituto de uma refeição principal ou pequeno almoço. Podem ser consumidas pontualmente e entre refeições, mas nunca como uma opção frequente.

Húmus
É saboroso, rico em nutrientes e uma alternativa saudável, no entanto, o segredo está nas porções ingeridas, pois este alimento contém um índice de gordura elevado devido ao óleo de sésamo ou ao tahini, tendo cerca cerca de 166 calorias por colher grande de sopa. O húmus é um prato tipicamente árabe, feito a partir do grão de bico e de diversas especiarias.

Iogurtes naturais
Baixo teor de gordura nem sempre é sinónimo de baixas calorias. Embora ricos em cálcio e proteína também contêm hidratos de carbono e gordura e no mínimo 59 calorias. Mas o segredo aqui está em quando se deve comer um iogurte. Ingerir um iogurte como sobremesa do almoço ou jantar é um dos erros mais cometidos. É preferível optar por fruta à sobremesa e deixar o iogurte para os restantes momentos do dia (pequeno-almoço, lanche da manhã, da tarde, etc…).

Sumos de frutas
A melhor opção é sempre a água. Os sumos de frutas são dos alimentos mais calóricos que pode escolher para acompanhar numa refeição. Ainda que ricos em vitaminas, um único copo de sumo pode conter mais de 100 calorias. Claro que está sempre condicionado pela quantidade ingerida e pela quantidade de açúcar utilizado para adoçar. Opte por beber com menos frequência e por escolher frutas menos calóricas, como o morango.

Nozes
São o boost perfeito de vitamina E (a vitamina da beleza), magnésio e proteína, no entanto, são extremamente calóricas (607 calorias. Apesar dos seus benefícios, contêm gordura e calorias e por isso devem ser evitadas nas dietas, pelo menos em quantidades exageradas. O consumo aconselhado é de 40 gramas diárias.

Chocolate negro
Sim o chocolate negro é rico em antioxidantes, dá prazer e alegra, mas uma tablete de chocolate negro continuam a ser uma tablete de chocolate (e continua a ter cerca de 500 calorias)! Engorda sobretudo devido ao açúcar e gordura que contém, mesmo sendo tradicionalmente amargo, o que supostamente faria dele menos calórico. No entanto, pode comer um ou dois quadradinhos mesmo que queira perder peso. 

Abacate
Ainda que bom para o coração e com muitos outros benéficios, o abacate é saudável, mas se quer perder peso deve ter cuidado com as quantidades. É óptimo para a pele e para o cabelo, no entanto, é ao mesmo tempo uma das frutas mais ricas em gordura. Um abacate inteiro pode chegar a ter mais de 400 calorias e se o misturarmos  com outros alimentos pode ser uma autêntica bomba calórica. Atenção à quantidade ingerida e ao seu acompanhamento.

Manteiga de amendoim
Apesar de maravilhosa quando misturada com fruta, a manteiga de amendoim é um dos alimentos mais calóricos. Apenas uma colher de sopa, são cerca de 94 calorias, por isso deve optar por uma colher de sobremesa de vez em quando. É de facto rica em vitaminas e altamente proteica.

Pipocas
Há quem diga que as pipocas não engordam, mas as coisas não são assim tão simples. Uma simples chávena de pipocas simples, sem manteiga ou açúcar, pode conter cerca de 30 calorias. Existem, contudo, formas de fazer as suas pipocas menos calóricas, até porque estas são ricas em fibras que nos dão a sensação de saciedade e ajudam no funcionamento intestinal. Opte pelas pipocas feitas em casa e não adicione açúcar nem sal. 

Fruta Desidratada
Quando desidratada, a fruta perde determinadas vitaminas e minerais. Para quem quer perder peso ou emagrecer, é importante ter em consideração os açúcares e as quantidades ingeridas, uma vez que temos tendência a comer mais fruta desta forma. Dependendo da fruta, estes snacks podem chegar a ter 359 calorias.

Sopa
A sopa pode ser uma ótima aliada da dieta, mas é preciso ter em atenção os ingredientes utilizados que a tornam calórica, como a batata, a massa ou as ervilhas. Uma sopa leve pode e deve conter legumes como cenoura, beterraba, couve, cebola e alho, por exemplo.

Bananas
As bananas são como uma faca de dois gumes, em excesso podem engordar, se ingerida correctamente, ajudam no processo de emagrecimento. Esta fruta tem cerca de 50 calorias e muitos açúcares naturais. São altamente ricas em nutrientes e uma fonte de proteínas e gorduras essenciais, no entanto, é aconselhável comer uma unidade por dia e consumir com outro alimento.

Tags: dieta calorias comida nutrição bem estar
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!