Fitness & Nutrição

5 super alimentos essenciais na hora do treino

E todos fáceis de encontrar em qualquer supermercado.
Por Andreia Rodrigues, 09.04.2018
Caminhamos a passos largos para o verão, o que significa que os treinos são agora mais exigentes, garantindo assim que cheguemos à praia com o corpo pelo qual tanto lutámos. De forma a assegurar que estes funcionem em pleno, é importante aliar aos treinos refeições equilibradas e saudáveis, e evitar, claro, chocolates e afins — os maus da fita da nossa alimentação. Descubra as cinco frutas e vegetais que deve juntar à sua lista de compras na próxima ida ao supermercado e potencie os seus treinos.

Banana
Segundo um estudo recente, noticiado pelo The New York Times, a banana tem propriedades anti inflamatórias, e é preferível a uma bebida energética. Com altos níveis de fibra, magnésio e vitamina C, é o snack perfeito para o treino. Além disso, os seus açúcares são de fácil ingestão. A banana ajuda durante o treino e a recuperar o corpo após o mesmo. Contribui ainda para reduzir a pressão arterial e previne as dolorosas cãibras. 

Batata Doce
"A batata doce é uma boa fonte de potássio", explica a dietista Farrah Fahad, em entrevista à Vogue norte americana. A dietista refere ainda que o potássio, aliado ao cálcio, magnésio e sódio, ajuda a equilibrar a retenção de líquidos e as contrações dos músculos. Este tubérculo "é também uma opção saudável rica em fibra e carbohidratos que oferece energia sustentada a longo prazo", explica. 

Maçã
"An apple a day keeps the doctor away", conta o ditado. Cheias de vitaminas, as maçãs contêm um antioxidante chamado quercetina, "que ajuda a melhorar o sistema imunitário", refere Fahad. A maçã proporciona ainda altos níveis de fibras solúveis e insolúveis, que promovem uma boa digestão. 

Couve-de-Bruxelas
Segundo Farrah Fahad, a couve-de-Bruxelas contém enxofre, que ajuda a remover as toxinas da dieta e alimentação. Tem ainda vitamina K, "essencial para desenvolver os nervos e funções do cérebro", explica a dietista. 


Cherovia
Parece uma cenoura, mas difere desta a nível de valores nutricionais. Contém vitaminas B6 e B5, "cruciais para a produção de energia no metabolismo", explica Fahad. Para os cozinhar, a dietista recomenda "assados com azeite, sal marinho e pimenta". 
Tags: cherovia couve-de-bruxelas batata doce maçã banana super alimentos the new york times farrah fahad
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!