Bem Estar

Mulheres podem (e devem) dormir a sesta no trabalho

Um novo estudo revela que é bom para as mulheres fazerem uma pausa e dormirem uma sesta durante o dia de trabalho.
Por Ângela Mata, 04.07.2017

Um novo estudo divulgado no The New York Times revela que uma breve sesta no emprego pode ser revitalizante para as mulheres, tornando-as mais produtivas e até felizes. Afinal de contas, existe uma razão para as mulheres se sentirem mais cansadas. O cérebro feminino está programado para ter mais necessidade de dormir do que o dos homens, pelo menos cerca de 20 minutos.

De acordo com a socióloga Suzanne Bianchi, citada pelo The New York Times, as mulheres, especialmente aquelas que são mães trabalhadoras, vão desistindo ao longo do dia do seu próprio tempo de descanso, na esperança de o conseguirem algures mais tarde. Já Brigid Schulte, autora do livro Overworked: Work, Love and Play when No One has the Time em que analisou a caótica vida dos americanos, explicou ao site da Marie Claire que uma das razões para as mulheres estarem em permanente cansaço deve-se ao facto de estas estarem sempre a pensar numa série de pormenores que mais ninguém pensa por elas – o chamado ‘trabalho emocional’.

No seu dia a dia, as mulheres preocupam-se com os calendários das crianças, datas de aniversário, agendamentos de reuniões, almoços e tantas outras coisas que não permitem que tenham aquele tempo mínimo de descanso mental. A verdade é que isso só é possível se existir um outro alguém que saiba partilhar esse mesmo ‘trabalho emocional’.

Há quem consiga sobreviver a poucas horas de descanso, mas a maioria sofre com esse problema. A médio/longo prazo, dormir pouco provoca quebras de memória e torna-nos mais irritáveis, com menos controlo nos nossos impulsos. Conclusão? Todas as mulheres deveriam guardar 20 minutos do seu dia de trabalho para si, seja para dormir uma sesta ou simplesmente desligar. 

Tags: saúde mulheres bem-estar dormir cansaço maternidade stress trabalho sesta
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!