Lifestyle

5 coisas para fazer no fim de semana

Entre festivais de música no centro da cidade de Lisboa e exposições imperdíveis em Serralves, no Porto, estas são as coordenadas do próximo fim de semana.
Por Vitória Amaral, 22.11.2019

Viaje pelo mundo da sétima arte

O festival de cinema documental Porto/Post/Doc regressa com uma programação ecléctica que se desdobrará pelo Teatro Municipal do Porto, o Cinema Passos Manuel e o Planetário do Porto, tendo pela primeira vez uma extensão a Braga. Dirigido por Dário Oliveira, o festival pretende lançar uma reflexão sobre as questões centrais no debate do cinema contemporâneo, passando por obras contemporâneas ou clássicas como as de Andrei Tarkovsky, Paulo Rocha, Jonas Mekas, Ute Aurand (que será objeto de uma das homenagens deste Porto/Post/Doc). Entre a cidade e o mundo, a ficção e o documentário, o festival divide-se entre vários programas e competições, entre eles: a Competição Internacional, a Competição Cinema Novo ou a Highlights, dedicada a homenagear algumas das maiores figuras da história do cinema. A seleção oficial do festival inclui filmes de realizadores consagrados no panorama do cinema independente como Bem Rivers, Kim Longinotto ou Bruno Aleixo. No programa Transmission será reforçada a ligação entre a música e o cinema, mostrando filmes que se façam ouvir, entre biopics e concertos. Não foi deixada de parte a secção dedicada à exibição de filmes falados em língua portuguesa, havendo até outra dedicada aos nossos vizinhos espanhóis. Com um pouco para todos os gostos, o Porto/Post/Doc pretende retomar a força originária do cinema, realçando o documental e a "(im)possibilidade de filmar o outro".

O quê: Porto/Post/ Doc; Quando: 23 de novembro- 1 de dezembro; Onde: Teatro Municipal do Porto, Cinema Passos Manuel, Planetário do Porto; Bilhetes: a partir de €5

Revisite Pedro Cabrita Reis em Serralves

Passadas duas décadas da mostra realizada em 1999, o artista regressa a Serralves, no Porto, com uma exposição-instalação que inaugurou nesta quarta-feira, dia 20. Autor consagrado da arte contemporânea nacional pretende revelar uma apetência pela experimentação formal e conceptual, entretanto desenvolvida nos últimos 20 anos. A Roving Gaze (Um olhar inquieto) é uma exposição concebida especificamente para os espaços do museu de Serralves e anuncia-se como uma obra única "De grande escala e forte pendor autobiográfico" que se estende por várias salas sem ordem cronológica. Diversas estruturas concebidas pelo artista, que agora assume uma nova identidade (apenas Cabrita), são suporte para fotografias da sua autoria, captadas desde 1999 e trabalhadas em conjunto com objetos, desenhos e documentos, criando um "ambiente de instalação total onde se cruzam a vida e a obra".

O quê: A Roving Gaze (Um olhar inquieto); Onde: Museu de Arte Contemporânea de Serralves, R. D. João de Castro, 210, Porto; Quando: 20 de novembro - 22 de março, seg-sex 10h-18h, sáb-dom 10h-19h; Bilhetes: €12

Faça uma tour musical pela Avenida da Liberdade

Nos dias 22 e 23 de novembro, a Avenida da Liberdade vai receber mais uma edição do Super Bock em Stock. Este conceito surgiu pela primeira vez há já 11 anos com o nome de Mexefest, na altura um conceito inovador de concertos a decorrer em simultâneo, em diversos locais em torno da Avenida. Esta edição traz um total de 57 concertos que decorrerão em nove salas: Hotel Maxime, Casa do Alentejo, Cinema São Jorge, Cineteatro Capitólio, Estação do Rossio, Garagem EPAL, Palácio da independência, Teatro Tivoli e finalmente o Coliseu dos Recreios. Entre os nomes no cartaz, destacam-se Michael Kiwanuka, Curtis Harding ou Slow J, mas também Viagra Boys, Luís Severo, Marissa Nadler ou Orville Peck. Será facultada uma aplicação que permite obter informações, em tempo real, sobre o horário dos concertos e, em direto, as lotações das salas. O difícil vai ser escolher.

O quê: Super Bock em Stock; Onde: Vários locais da Av. da Liberdade, Lisboa; Quando: 22-23 de novembro, sex-sáb, 18h; Bilhetes: a partir de 45€ em www.superbockemstock.pt

Batize uma cerveja

A nova cerveja artesanal, intitulada Severa, é o resultado da parceria entre a Jameson Caskmates e a cerveja Musa, que une o whiskey e a cerveja. Fabricada artesanalmente pelos cervejeiros da Musa, trata-se de uma barrel aged imperial stout que passou sete meses em barricas da Jameson, com notas de madeira, biscoito, picante, caramelo e amêndoas e um teor alcoólico de 11,7%. Esta nova cerveja é o culminar do projeto "Casório" que, sob a curadoria de Quim Albergaria, que convida dois artistas de estilos musicais diferentes a unir talentos e a atuarem em conjunto num registo improvável. A inspiração para este projeto veio do ritual Caskmates & Musa: versão portuguesa do" shot and a beer", o hábito norte-americano de beber um shot de whiskey seguido de um copo de cerveja. Em sete meses o "Casório" já organizou 8 eventos que puseram em palco Carlão e Tó Trips, Rui Reininho e Duquesa, entre outros. Esta parceria vai ser celebrada na próxima semana, no dia 29 de novembro, com o "Batizado" da Severa, com convidados muito especiais desde Da Chick até Papillon e Orelha Negra.

O quê: Batizado; Quando: 29 de novembro, às 23h; Onde: Fábrica da Musa; Bilhetes: €8

Saborear o outono

Com o frio instalado, o restaurante Mano a Mano celebra a estação com um novo menu pop-up que homenageia os ingredientes de outono como o marmelo, a castanha, a abóbora e o dióspiro. Segundo Isaac Jorge, o novo chef do Mano a Mano, trata-se de "cozinha de conforto, onde se destacam os ingredientes típicos da época". O menu, que proporciona algo para todos os gostos e apetites, inclui ainda tubérculos como a batata, a mandioca e a cherovia. Fiel aos valores da marca, a nova proposta trata-se de cozinha simples e saborosa, inspirada no receituário tradicional italiano, além de colocar na mesa os alimentos oferecidos pela Natureza na altura em que estão maduros, encurtando a distância entre a terra e o prato. Num ambiente luminoso e acolhedor, o Mano a Mano oferece refeições italianas genuínas com produtos de origem protegida para uma experiência verdadeiramente autêntica.

O quê: Novo menu de outono; Onde: Mano a Mano, Rua do Alecrim, nº22, Lisboa; Quando: dom-quin 12h30-23h00, sex-sáb 12h30-00h00; Preço: €6-17,50

 

Tags: fim-de-semana mano a mano serralves severa porto braga lisboa super bock super rock em stock porto/post/ doc
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!