Culturas

Os maiores erros do Cinema e da Televisão

Do copo de café em ‘A Guerra dos Tronos’ às marcas de bala precoces nas paredes em ‘Pulp Fiction’, estas são as piores falhas que passaram despercebidas pelas equipas de produção.
Por Camila Lamartine, 27.05.2019

Quando um copo de café surgiu na mesa de uma cena da série A Guerra dos Tronos (2019), o mundo reagiu. E o erro desencadeou uma série de comentários e críticas em relação à produção televisiva da HBO. Mas este não foi o único erro da televisão ou do cinema, por isso reunimos alguns dos maiores deslizes de todos os tempos. 

Sniper Americano (2014)

Quando se trata de bebés recém-nascidos a maioria dos filmes utiliza bonecos para representá-los, mas é preciso organização, animação e alguns sons já gravados para que o bebé pareça, de facto, real – o que não aconteceu em Sniper Americano (2014). Assim que Bradley Cooper põe o bebé nos braços percebe-se que se trata de uma rija boneca.

Transformers: Age of Extinction (2014)

Nesta longa-metragem, há uma cena em que Mark Wahlberg corre para se esconder atrás de uma parede sozinho e em poucos segundos aparece outra pessoa ao seu lado. De uma cena para a seguinte, muitas pessoas e adereços aleatórios surgem de repente. 

O Cavaleiro das Trevas Renasce (2012)

Durante uma das cenas de luta em que Batman, Christian Bale, e Catwoman, Anne Hathaway, se juntam, vemos um dos figurantes cair no chão sem que nada, nem ninguém, o tenha atingido.

Presságio (2009)

Durante uma das mais importantes cenas deste filme, o avião está prestes a cair na estrada, um policia aponta para as costas do persdo seu lado direito. Afinal, o que foi que o policia viu de atrás de Cage?

Breaking Bad (2008-2013)

A cena em que Walter White, interpretado por Bryan Cranston, atira uma pizza para o telhado da sua própria casa trouxe algumas inconsistências. Para além dos toppings parecerem mudar consoante os planos, a pizza não está fatiada, o que não faz sentido tendo em conta que a personagem parece tê-la comprado. 

Foi Assim que Aconteceu (2005-2014)

No episódio em que Barney decide desistir de fatos e mulheres, algo de muito estranho acontece. Numa cena, a personagem interpretada por Neil Patrick Harris começa a cantar como se estivesse num musical e uma série de figurantes entram vestidos de fato. No entanto, um deles esquece-se dos seus sapatos e desaparece a correr, descalço.

Harry Potter e a Câmara dos Segredos (2002)

Enquanto Harry Potter e Draco Malfoy lutam com suas varinhas no segundo filme da saga, Harry derruba o inimigo no chão. Mas o ângulo filmou além da queda e pode ver-se um cameraman do lado esquerdo durante vários segundos.

Pulp Fiction (1994)

Quentin Tarantino cometeu um erro muito perceptível numa das cena com os atores John Travolta e Samuel L. Jackson. Vemos marcas de balas na parede por detrás da dupla, o que não faz sentido porque o confronto ainda não havia começado.

Parque Jurássico (1993)

No filme original de 1993, um dinossauro entra na cozinha. Quando abre a porta pela primeira vez, uma mão humana toca na sua cauda por um segundo, como se estivesse a apoiar o animal. O momento dura poucos segundos, mas não se percebe de quem era aquela mão e o que está ali a fazer.

Lobijovem (1985)

No final do filme, quando o pai de Scott se levanta para abraçar seu filho, as calças de alguns figurantes podem ser vistas, em segundo plano, visivelmente abertas.

Os Goonies (1985)

Também no final do filme, Data diz a um repórter que a coisa mais assustadora de sua viagem foi lutar contra o polvo gigante. No entanto, essa cena foi excluída da versão lançada nos cinemas. O polvo foi mais tarde adicionado à versão do canal da Disney.

The Shinning (1980)

Uma das cenas mais famosas desta icónica longa-metragem acontece num labirinto que supostamente está localizado logo atrás do hotel. Mas na fotografia de inauguração deste hotel, que se vê logo no início do filme, não há labirinto, apenas um estacionamento e algumas montanhas.

Star Wars: Uma Nova Esperança (1977)

Enquanto perseguem Luke, Leia e Han Solo no primeiro filme da saga Star Wars, um grupo de Stormtroopers abre uma porta com tiros. O único problema é que a porta não abre completamente e um dos Stormtroopers bate com a cabeça. O acidente não passou despercebido ao realizador George Lucas, que acrescentou um ruído para fazer o erro parecer intencional.

O Feiticeiro de Oz (1939)

Enquanto Dorothy e o Espantalho viajam pela estrada de tijolos amarelos, param para colher maçãs. As árvores que estão "vivas" atiram os seus frutos em direção ao Espantalho, derrubando-o. A câmara afasta-se e revela que Dorothy não está a usar os seus sapatos vermelhos, mas sim um par de sapatos pretos.

Braveheart- O Desafio do Guerreiro (1995)

Um dos filmes mais marcantes da carreira de Mel Gibson tem vários erros no cenário, sobretudo com a inclusão de objetos modernos que não existiam na época em que se passava a longa-metragem, o séc. XIII. Numa das cena de guerra, por exemplo, vemos um automóvel branco ao fundo.

Piratas das Caraíbas: A Maldição do Pérola Negra (2003)

Na cena final do primeiro filme da saga, Jack Sparrow faz um discurso depois de assumir o navio Pérola Negra. Quando a tripulação começa a mover-se, surge um homem com um chapéu de cowboy.

A Guerra dos Tronos (2019)

No quarto episódio da oitava temporada da série, é possível ver um copo de cartão com tampa, que pela sugestão de cores pertence à marca Starbucks durante uma reunião à mesa entre Jon Snow e Daenerys Targaryen. A presença deste elemento não passou despercebida aos espetadores, mas a produção ainda não explicou o que terá acontecido.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!