Culturas

Morreu a escritora Agustina Bessa-Luís

Natural de Amarante, Agustina tinha 96 anos. A notícia está a ser avançada pela TSF.
Por Máxima, 03.06.2019

A escritora Agustina Bessa-Luís morreu, esta segunda-feira, aos 96 anos. Segundo a TSF, Agustina estava em casa, no Porto, e terá sido vítima de doença prolongada. Um AVC retirou-a da vida pública há mais de uma década.

Vai realizar-se, ainda hoje, uma cerimónia em sua memória na Sé do Porto (16h00). O funeral é amanhã, terça-feira, na Régua.

Natural de Amarante, onde nasceu a 15 de outubro de 1922, Maria Agustina Ferreira Teixeira Bessa - o seu nome verdadeiro - foi um dos nomes maiores da literatura portuguesa contemporânea. A estreia como romancista aconteceu em 1948, com Mundo Fechado. Seis anos mais tarde, escreve A Sibila, a sua obra mais conhecida.

A escritora, que foi diretora do jornal diário O Primeiro de Janeiro entre 1986 e 1987, recebeu o prémeio Vergílio Ferreira e o Prémio Camões, o mais alto galardão das letras em português, ambos em 2004.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!