Culturas

De um euro a 31 mil. Primeira edição rara da saga ‘Harry Potter’ é vendida em leilão

O romance de estreia de J. K. Rowling foi leiloado no dia em que a autora completou 54 anos. O vendedor só esperava poder levantar dinheiro suficiente para comprar uma boa e nova casa de banho.
Por Aline Fernandez, 01.08.2019

Já imaginou comprar um livro num alfarrabista por uma libra, cerca de um euro, e vendê-lo num leilão 20 anos depois por 28 500 libras, mais de 31 mil euros? Foi exatamente o que aconteceu ao dono de uma rara primeira edição do primeiro livro da saga Harry Potter.

O homem de 54 anos que vendeu a obra preferiu não ser identificado, mas mostrou-se surpreendido com o valor. "Era o que esperava, mas eu nunca acreditei que o meu livro chegasse a esse preço. Eu sabia que outra primeira edição do Harry Potter havia sido vendida por 28 mil libras [cerca de 30 mil euros], mas estava a entrar em pânico por não terem existido licitações antes da venda", confessou à leiloeira britânica Hansons Auctioneers.

O livro Harry Potter e a Pedra Filosofal foi disputado por três licitadores, por telefone, e por fim foi comprado por um colecionador anónimo no mesmo dia do aniversário de J. K. Rowling. A autora da saga completou 54 anos dia 31 de julho.

"Toda a gente conhece este livro. É o Santo Graal para muitos colecionadores", referiu Jim Spencer, responsável por livros e trabalhos em papéis da leiloeira britânica. Esta obra, publicada pela Bloomsbury a 30 de junho de 1997, é rara porque pertence a um conjunto de uma remessa de apenas 500 livros que têm dois erros: um foi na digitação da palavra philosopher's (surge com erro ortográfico: "philospher's") na contracapa. O outro está na página 53, onde consta a lista de equipamentos para a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts e aparece duas vezes "1 varinha".

O vendedor, que afirmou ter comprado o livro em Staffordshire, no Reino Unido, junto com três ou quatro outros para ler num feriado, não pensou em nada disso, na altura. "Eu li o livro, na verdade eu li toda a série de Harry Potter, e depois deixei num armário durante anos", confessou, terminando: "eu decidi escolher alguns livros valiosos e convidei o Jim Spencer para dar uma vista de olhos. Quando percebi que tinha um valor potencial, esperava poder levantar dinheiro mais do que suficiente para comprar uma boa casa de banho nova." Com 31 mil euros [mais impostos quase 37,5 mil euros], a quantia recebida, acreditamos que ele consiga mais do que a aquisição de uma boa casa de banho.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!