Mundo

12 Destinos de Cortar a Respiração

Experiências limite para os mais corajosos.
Por Ângela Mata, 07.06.2017

Se tem um espírito aventureiro e está com falta de imaginação para a sua próxima viagem, estes são alguns dos destinos que devem considerar.

Percorrer os céus de Barcelona

Barcelona é já por si só um destino convidativo mas, neste caso, a ideia é andar de helicóptero e sobrevoar a cidade, seguindo até Girona, onde é suposto aterrar e jantar no famoso restaurante El Celler de Can Roca.

Escorrega de vidro em Los Angeles

A experiência consiste em deslizar num túnel transparente, feito em vidro, com 14 metros de comprimento e 1,2 metros de altura. O grande desafio está no facto de este túnel se encontrar no alto de um edifício, a 314 metros de altitude. Inaugurou a 25 de junho e é considerado a plataforma de observação ao ar livre mais alta da Califórnia. Inclui um terraço panorâmico e um espaço interativo com jogos visuais sobre imagens da cidade. 

Ponte de vidro em Londres

Esta ponte de vidro fica situada mesmo em cima da Tower Bridge, em Londres, e permite ter uma perspetiva única da mesma. A plataforma de vidro mede 11 metros de comprimento, 1,8 metros de largura e encontra-se a uma altura de 42 metros acima do rio Tamisa. 

A carregar o vídeo ...
Ponte de vidro em Londres

 



Almoçar entre as nuvens em Bruxelas

Esta experiência consiste em almoçar numa mesa suspensa a 50 metros de altitude, com capacidade para 22 pessoas e 3 cozinheiros de serviço. São eles que elaboram os 5 pratos à disposição. A ideia nasceu na Bélgica, há já 10 anos, e entretanto já se estendeu a outras cidades europeias. Quem se atrever não pode ter mais de 200 quilos nem menos de 1 metro e 40. 

Paris a seus pés

O novo andar em vidro da Torre Eiffel está a atrair os mais corajosos. Apesar de estar localizado logo no primeiro andar da torre, a experiência não é menos desafiante, até porque estamos sempre a 57 metros de altitude e a passar pela sensação de pisar no vazio…

Casa com vista no Vale Sagrado dos Incas

É conhecido como ‘o hotel do milhão de estrelas’. Na prática, os quartos são uma espécie de cápsula em alumínio e policarbonato, a 400 metros de altitude. Cada estrutura mede 7,5 metros de largura, 2,6 metros de altura e conta com 4 camas, uma cozinha e uma casa de banho privada. As paredes são transparentes, de maneira a poder-se usufruir da vista.

Subir às árvores na Tailândia

Esta é considerada a melhor atração da Ásia, que permite a qualquer pessoa que visite Chiang Mai lançar-se numa corda de 800 metros, voando entre algumas das mais altas árvores do mundo. Uma verdadeira experiência no meio da selva.

A carregar o vídeo ...
Subir às árvores na Tailândia

 



Baloiço vertiginoso

O mais alto baloiço em toda a Europa fica a 100 metros de altitude. Trata-se de um miradouro de 360 graus, numa torre situada em frente à Estação Central de Amesterdão (Holanda), e que outrora fora sede da petrolífera Shell. Para chegar lá acima terá de subir 22 pisos.

Baile de raias na Colômbia

Na ilha colombiana de Santo André pode nadar ao lado de raias. O mergulho aquático exige que se leve um pouco de comida (é possível que as raias comam da sua mão) e máquina fotográfica. Cada raia pode medir mais de 7 metros.

Tanque de crocodilos na Austrália

A Crocossaurus Cove é um parque de répteis situado no centro de Darwin, Austrália. A experiência mais impactante é, sem dúvida, mergulhar no tanque com os crocodilos. O aquário é de água salgada e em tamanho XXL. É possível mexer nos crocodilos bebés e alimentar os crocodilos, mas também pode mergulhar com eles, com as devidas proteções. Esta experiência tem o nome de ‘Jaula da Morte’ e tem a duração de 15 minutos.

Voar com os falcões

Esta prática nasceu no Nepal, pela mão do britânico Scott Mason, que resolveu unir duas das suas paixões: o parapente e a caça de falcões. A ideia deu lugar à experiência do Parahawking, uma atividade que permite não só voar entre aquelas aves como também literalmente com elas. Os falcões e as águias são treinados para se relacionarem com o piloto do parapente. Uma vez no ar, o piloto aproveita a sabedoria da ave no que toca ao sentido do vento e recompensa-a com comida.

Aventura no gelo

A experiência começa logo no avião, um Boeing 757-200 da Icelandair, com destino a Reykjavik, a capital da Islândia. Tanto o exterior como o interior do avião são decorados com motivos glaciares. Já em terra, a aventura inclui um banho na Blue Lagoon, a possibilidade de fazer uma selfie nas cataratas da Islândia – Gullfoss – e montar um cavalo islandês (o único no mundo com cinco tipos de passo) na lagoa de glaciares Jökulsárlón.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!