Mundo

11 Destinos obrigatórios para visitar em 2017

Todos os anos existem destinos preferidos e não há nada melhor do que poder apreciá-los antes de chegarem todas as multidões e as subidas de preços. Venha descobrir que destinos visitar em 2017.
Por Máxima, 22.12.2016

Momondo analisou países de todos os continentes para revelar quais os destinos que têm mostrado um aumento de visitas, revelando-se assim como destinos "tendência" nos próximos anos. Veja aqui quais são os países a visitar calmamente, antes que se passe a palavra e o resto do mundo tenha a mesma ideia:

1. Myanmar (Birmânia)
Visto como um país místico do sudeste asiático, em Myanmar pode encontrar-se a cidade de Bagan, um dos sítios arqueológicos mais ricos da Ásia, onde se encontra a maior colecção de templos e ruínas budistas dos séculos XI e XII. As Grutas de Pindava, um local de peregrinação budista sagrado, é também paragem obrigatória, bem como algumas praias de tirar o fôlego: as águas azul-turquesa e areia branca da Praia Ngapali fazem desta a praia de eleição da zona, e a Praia Ngwesaung mostra um estilo de vida descontraído, com habitantes locais a pescar nas suas margens despovoadas.

2. Sri Lanka
Considerado por muitos como um autêntico paraíso perdido, o Sri Lanka está coberto de florestas tropicais verdejantes, montanhas imponentes e vastas planícies. O primeiro reino estabelecido do Sri Lanka ancião, Reino de Anuradhapura, pode ser observado pelas suas ruínas que compõem, assim, uma das cidades mais sagradas dos budistas e o transportam numa viagem história inimaginável.

Templos e palácios à parte, Colombo, a sua capital, é perfeita para passar momentos descontraídos, seja a fazer compras ou a dançar nas discotecas da cidade. O Mercado Petah oferece desde fruta e vegetais a roupa, e o Parque Viharamahadevi é perfeito para um passeio a meio da tarde.

3. Paraguai
Quando se fala no Paraguai, fala-se em história, de vida selvagem exuberante e de uma identidade cultural própria. A sua capital, Asunción, é conhecida como a "Mãe das Cidades" e é um centro de arte contemporânea com obras de pop art e surrealismo de artistas locais representadas nos museus, galerias e instituições independentes da cidade.
As Missões Jesuítas (Património da UNESCO) foram em tempos centros prósperos construídos para integrar as populações indígenas Guarani na fé Cristã, e as suas ruínas são consideradas das criações religiosas mais impressionantes do mundo – e ainda não estão apinhadas de turistas.

4. Tajiquistão
Se gosta de escalada e montanhismo, então encontrou o seu destino: o Tajiquistão é um sonho tornado realidade para os amantes da natureza, coberto de montanhas dramáticas, lagos azul-turquesa e aldeias rurais intemporais. Além do maior glaciar do mundo, o glaciar Fedchenko, e mesquitas medievais, castelos e edifícios de estilo soviético este, que é um destino único e inesquecível, tem também alguma da arte rupestre neolítica mais antiga do mundo, datando de 6500 AC.

5. Japão
A mistura da tradição vista nos santuários e templos históricos, com a tecnologia de ponta e arquitectura inovadora, fazem do Japão um país único e impressionante que mistura as certezas do passado com as esperanças do futuro. Este é um país cheio de contradições – tanto pode dar por si a navegar nas multidões caóticas do metro, como a aproveitar a tranquilidade dos jardins zen de Kyoto. Uma volta no comboio de alta de velocidade Skinkansen e um passeio pela Estrada de Laputa são duas das coisas que tem de fazer numa visita a este país.

6. Palau
As Ilhas Chelbacheb são a sua atração mais famosa e um destino de fazer as delícias dos amantes do mergulho, snorkeling e caiaque. Uma das suas maiores ilhas, a Ilha Eil Malk, alberga o Lago das Alforrecas, um corpo de água salgada isolado que se foi gradualmente separando do oceano há centenas de anos – ideal para os nadadores corajosos apreciarem o equivalente a um mundo alienígena entre milhares de alforrecas totalmente seguras.
A lagoa conhecida como Via Láctea, ao lado da ilha principal de Koror, é óptima para um banho de lama terapêutico, 100% natural que lhe fará ficar 10 anos mais novo.

7. Taiwan
As suas paisagens de cortar o fôlego englobam picos majestosos, colinas ondulantes, vales extensos e ilhas dispersas. A sua capital, Taipei, é cheia de vida – bares de karaoke, restaurantes temáticos, mercados noturnos e carrinhos de comida de rua não faltam, bem como os petiscos. Iguarias como pães quentes recheados de porco, frango frito estaladiço, tijelas escaldantes de sopa de carne fresca, hotpots picantes e chá de bolhas cremoso, não só podem, como devem, ser provadas.

8. Macedónia
Sob o governo de Alexandre, o Grande, a República da Macedónia foi o estado mais poderoso do mundo. Hoje, a sua capital, Skopje, mostra a história e cultura únicas do país. Com edifícios neoclássicos e centenas de estátuas foram erguidos por toda a cidade, o bairro do Antigo Bazar permanece um dos lugares de visita obrigatória. Se for no verão, pode aproveitar e beber um café à beira do Lago Ohrid, onde também poderá visitar vários mosteiros e igrejas impressionantes da Era Bizantina. Se aprecia regiões vinícolas, não deixe de visitar a região de Demir Kapija.

9. Roménia
Entre aldeias encantadoras, cidades vibrantes, regiões montanhosas e praias solarengas, a Roménia tem o poder de agradar a todos os gostos. Em Sibiu poderá encontrar o Museu Astra da Civilização Folclórica Tradicional, um dos maiores museus ao ar livre da Europa, e também explorar casas romenas tradicionais e edifícios autênticos centenários para um vislumbre do passado da Transilvânia. Depois de uma noite divertida, poderá partir para um passeio até Alba Iulia, a maior e mais impressionante cidadela da Roménia. Se gosta de termas naturais e spas, não deixe de visitar Baile Felix, no distrito de Bihor.

10. Filipinas
Se quilómetros de areia branca e alojamento sobre a praia relativamente acessível não o convencem a visitar as Filipas, o que o fará? Talvez os caixões suspensos, uns dos marcos mais misteriosos de Sagada, supostamente pregados no alto das rochas para que os defuntos estejam mais próximos do céu, ou a famosa Gruta Sumaguing e os arrozais em terraços de Kapay-aw, uma alternativa menos conhecida aos famosos arrozais em terraços de Banaue.
Também a cidade colonial espanhola de Vigan, Património Mundial da UNESCO, poderá ser um bom incentivo para levar esta viagem avante em 2017.

11. Montenegro
Com uma das últimas florestas tropicais do continente, montanhas imponentes, desfiladeiros profundos e praias imaculadas, este pequeno país é merecedor de fotografia de postal, sendo a Baía de Kotor a sua jóia da coroa. O castelo de São Giovanni oferece a melhor vista para as casas de telhados terracota de Kotor e para a baía.
Rodeado de montanhas íngremes e povoado de aldeias de conto-de-fadas, este é sem dúvida um destino apostar no próximo ano.  

 

Não existe momento como o presente, por isso aproveite e conheça todos estes destinos maravilhosos sem o pico de afluência de todos os turistas do resto do mundo.

Myanmar, Birmânia
Sri Lanka
Paraguai
Tajiquistão
Japão
Palau
Taiwan
Macedónia
Roménia
Filipinas
Montenegro
Myanmar, Birmânia
Sri Lanka
Paraguai
Tajiquistão
Japão
Palau
Taiwan
Macedónia
Roménia
Filipinas
Montenegro
Myanmar, Birmânia
11 Destinos obrigatórios para visitar em 2017

Tags: viagens 2017 férias paraíso
Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!