Celebridades

Karlie Kloss deixou a Victoria’s Secret por não se identificar com a mensagem da marca

A modelo explicou porque quis deixar de ser um Angel da Victoria's Secret.
Por Ana Rita Paiva, 04.07.2019

Em entrevista à Vogue britânica, Karlie Kloss revelou que "o motivo pelo qual decidi parar de trabalhar com a Victoria's Secret foi o facto de não sentir que a imagem [da marca] refletia quem eu sou e o tipo de mensagem que quero transmitir às jovens mulheres em todo o mundo sobre o que significa ser bonita".

A modelo tomou a decisão em 2015, quando estudava teorias feministas na Universidade de Nova Iorque. "Foi um momento crucial, ao assumir o meu poder como feminista, ao ser capaz de tomar as minhas próprias decisões e tomar conta da minha narrativa, seja através das empresas com quem escolho trabalhar ou pela imagem que apresento", continuou na mesma entrevista.

Após a divulgação da decisão, o diretor de marketing da Victoria’s Secret, Ed Razek, comentou nas redes sociais que a saída da modelo se devia à falta de tempo para "realizar os seus incontáveis compromissos" e que ela sempre seria uma Angel pra ele. Dois anos depois, em 2017, ela voltou para um último desfile no VS’s Fashion Show em Xangai.

Ainda na mesma entrevista à edição de agosto da Vogue, da qual a modelo é capa, Karlie Kloss falou acerca dos laços que mantém com a família Trump, uma vez que é casada com Joshua Kushner, cunhado de Ivanka Trump. "Tem sido difícil. Mas eu escolho focar-se nos valores que partilho com o meu marido, e esses são os mesmos valores liberais com os quais fui criada e que me guiaram durante toda a vida", disse.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!