Maquilhagem

Autobronzeadores para todos os tipos de pele

Se pretender prolongar o bronze após as férias, saiba qual o ideal para si.
Por Carolina Silva, 27.08.2018

Porque é que deve saber escolhê-los? Porque, por alguma razão, a maioria das pessoas que já experimentou um deparou-se com resultados pouco apelativos. Referimo-nos aos calcanhares manchados, ao tom alaranjado e à falta de uniformidade da cor. Isto acontece porque os cuidados são poucos antes da aplicação. É essencial fazer uma esfoliação para garantir que foram removidas as células mortas à superfície da pele, responsáveis por bloquear ingredientes como a di-hidroxiacetona (DHA) ou glicerona, um monossacarídeo presente nos autobronzeadores responsável por causar na pele o desenvolvimento progressivo de um tom mais escuro.

Peles claras devem optar por loções hidratantes de bronzeado gradual. Produtos com pequenas doses de DHA proporcionam um bronzeado subtil, o ideal para evitar uma alteração dramática de cor ou para quem ainda tem receio do autobronzeador.

Peles médias dão-se melhor com texturas gelificadas em fórmulas que contenham um DHA com melanina natural. No espaço de algumas horas a cor começa a intensificar-se.

Peles escuras não precisam de recorrer à ajuda de um autobronzeador, mas podem optar por uma mistura de creme hidratante com cor e um óleo com pigmentos dourados para a pele resplandecer.

Sugestão de profissional

Se já tiver a pele bronzeada e pretender dar-lhe uma luminosidade sublime, aplique um óleo essencial nos ombros, decote e parte frontal das pernas. Caso pretenda fazer um upgrade a este look, pode apostar num óleo com brilho dourado: fica ainda mais bonito e subtil do que imagina.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!