Beleza

Beber água com clorofila. Tendência ou salvação da pele?

Águas com infusões, chá de matcha ou kombucha são algumas das tendências que se tornaram virais nas redes sociais, devido aos benefícios que trazem para a saúde. Agora é a vez de água com clorofila - será que este antioxidante ajuda na prevenção de anti-inflamações?

Foto: Freepik/Kamranaydinov
06 de outubro de 2022 Bianca Gregório / com Rita Silva Avelar.

A internet é especialista em lançar novas tendências - seja perder peso, reduzir inflamação ou tratamentos milagrosos para a pele, as redes sociais têm de tudo. Previamente, já esteve na moda experimentar água com limão, o chá de matcha ou a kombucha… e agora, é a vez da água com clorofila.

Primeiro: o que é? A clorofila é um antioxidante e alcalinizante natural que fortalece o sistema imunitário, é muitas vezes vendida em forma de suplemento alimentar, e tem poderes anti-envelhecimento. 

Muito popular nos Estados Unidos, há celebridades que afirmam já ter experimentado esta tendência, e ter visto resultados positivos. Juliane Moore disse à Vogue britânica que a primeira coisa que faz de manhã é beber água com clorofila, diluindo algumas gotas em dois copos; Kourtney Kardashian afirma que esta "moda" a faz beber mais água ao longo do dia; Mandy Moore utiliza de forma a controlar problemas intestinais, e Reese Witherspoon confessou utilizar clorofila na água sempre que sente uma borbulha ou crise de acne "a chegar", afirma a Vogue espanhola.

Mas, será que vale a pena experimentar? Não existe um consenso geral, apesar de haver benefícios aliados ao consumo. "É um antioxidante que ajuda a prevenir cancro e mau odor. No entanto, não existem estudos conclusivos neste campo. Também é dito que está relacionado com os intestinos e que é indicado para a prisão de ventre", explicaram os nutricionistas do centro de estética Germaine de Capuccini Goya Madrid (à Vogue espanhola).

A investigação científica neste campo é pouca, o que torna difícil afirmar se o antioxidante pode ser benéfico ou não. O uso nutricional é permitido, sendo apenas desaconselhado a mulheres grávidas, intolerantes a lactose, crianças ou pessoas com problemas digestivos.

Com o crescimento deste alcalinizante natural no mercado da suplementação, é possível encontrar diferentes suplementos alimentares ou produtos em formato líquido, pois a clorofila contém propriedades que podem ser interessantes no tratamento de algumas condições. Pode ser benéfica para a saúde por ter, também, a capacidade de eliminar metais pesados do organismo, explicou Luisa Varela, técnica na área de Investigação, Desenvolvimento e Inovação (R&D&I) da Vitae, laboratório de suplementos alimentares e produtos naturais, à Vogue espanhola. Existem três áreas em que pode apresentar benefícios: anti-inflamação, antioxidação e hidratação.

Na anti-inflamação devido às propriedades antioxidantes da clorofila. É por esta razão que é utilizada em tratamentos anti-inflamatórios, "sejam musculares ou retenção de líquidos", explica Varela. Pode também ser um aliado nas prevenções de prisão de ventre, quando utilizado de forma natural.

É benéfico como antioxidante, sendo a clorofila rica em vitaminas A, C e E. A equipa de nutricionistas do centro Germaine de Cappuccini confirma que o poder antioxidante da clorofila "previne doenças relacionadas com o envelhecimento e neutraliza a oxidação das células". Também é dito que ajuda na prevenção de acne, apesar de não existirem estudos que comprovem tal afirmação.

Por último, a clorofila pode ser uma ajuda na hidratação. Tal como era o caso da água com limão, qualquer que seja a infusão preparada, é provável que o hábito de beber água ao longo do dia vá aumentando. A Vogue espanhola afirma que remove o mau odor, sendo uma das razões pelas quais este alcalinizante é utilizado em pastilhas elásticas e gomas.

Existem três maneiras de consumir clorofila: diluída em água, incorporando vegetais verdes na alimentação ou através de comprimidos ou suplementos. 

Saiba mais
Saúde, Educação, Clorofila, Água com clorofila
Leia também
As Mais Lidas