Cabelos

As loiras divertem-se mais?

Do cinema à moda, dos tons mais gélidos aos mais quentes, os cabelos loiros sempre tiveram uma elegância e um sex appeal especiais. Reunimos algumas personalidades que experimentaram o look.

Alfred Hitchcock sempre preferiu as loiras, especialmente nas versões mais gélidas de Grace Kelly em A Janela Indiscreta (1954) ou Kim Novak em Vertigo (1959), precisamente o oposto do viciante sex appeal de Marilyn Monroe, a mulher que provou que Os homens preferem as loiras (1953), ou da versão bombshell de Anita Ekberg em La Dolce Vita (1960). Na música, são as mulheres do rock, como a despenteada Debbie Harry nos anos 80 ou a irreverente Courtney Love na década seguinte, que melhor combinam o loiro platinado com raízes ou sobrancelhas mais escuras.

De Charlotte Gainsbourg, que acaba de deixar o seu habitual castanho-escuro para brincar com o loiro, a Sophie Turner, que se transforma completamente na sua versão platinada, reunimos algumas das mulheres que brincaram (e bem) com diferentes tons de loiro.  

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!