Gourmet

O oriente chegou ao Topo Martim Moniz

Os sabores orientais reinventam-se a um preço democrático na nova sala do Topo Martim Moniz.
Por Rita Silva Avelar, 22.07.2017

Quem entra pela primeira vez através das portadas do edifício do Centro Comercial Martim do Martim Moniz mal sabe o que vai encontrar antes de subir ao piso 6. Discreto, à entrada o Topo Martim Moniz começa logo a marcar pontos assim que olhamos para o interior do espaço. Depois de ter conquistado os lisboetas (e não só, já que é um dos espaços mais procurados por turistas) com o conceito de restaurante ao balcão (com várias pratos para partilhar, como os bifes, os tártaros ou os hambúrgueres) e uma das vistas mais bonitas da cidade, o Topo apresenta agora uma nova sala dedicada apenas à gastronomia oriental.

Voltada para o lado oposto, a nova sala tem a cozinha aberta e, por isso, é impossível não repararmos nas três mulheres que põem a mão na massa (duas delas de origem indonésia e uma vietnamita) e preparam os pratos idealizados pelo chef e consultor do Topo Ricardo Benedito.

A conquista de paladares é logo feita nas entradas. O chef sugere um pão asiático bao com manteiga de wasabi, hortelã, cebolo e cebola crocante (€3,50), uma variedade de spring rolls de frango ou de camarão (€6), vietnam rolls de peixe ou vegetarianos (€6), gyozas de porco ou vegetarianas (€5) e rolos de gamba (€6). Seguem-se os pratos principais, ricos em sabores orientais, como o Tom Yum, um caldo fresco e picante com camarões, lulas, amêijoas e massa de arroz (€15), o Pho Beef, com massa de arroz vietnamita num caldo aromático de ervas com fatias de bife do lombo (€15) ou o Nasi Goreng, arroz frito misturado com vegetais, frango e ovo estrelado (€12).

A perfeição materializa-se nas sobremesas (são as três obrigatórias!) com o crème brûlée de erva-príncipe (€3,50), o bolo esponjoso de gelado de pandam yuzu (€4,50) e o cheesecake de gengibre (€3,50) a conquistar um lugar especial na nossa boca. A carta de cocktails também foi renovada e agora é possível pedir, por exemplo, cocktails com combinações intensas como rum e manga ou gin com lima, manjericão e wasabi.

Com uma localização virada para o Martim Moniz, entre o Mercado de Fusão e as várias culturas que sempre animaram a praça, o Topo é mesmo paragem obrigatória, sobretudo para quem gosta de pratos condimentados e exóticos. Para já, esta nova sala de conceito oriental apenas vai servir jantares e tem capacidade para receber grupos superiores a 20 pessoas. O preço médio é de €25.

 

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!