Viagens

Viagens imersivas: 14 destinos que são experiências de vida

Escalar um vulcão em Bali, ajudar animais marinhos no Belize ou aprender a viver como um guerreiro da Mongólia. Mais do que passeios ou férias, estas viagens proporcionam experiências de vida enriquecedoras. Saiba mais na edição de agosto da Máxima, agora nas bancas.
Por Mafalda Sequeira Braga, 10.08.2017

Nas alturas

O quê Safari de balão de ar quente

Onde Chile

Sempre pensou em fazer um passeio de balão? Há locais no mundo onde o pano de fundo para realizar este tipo de experiência não podia ser o mais adequado. O Deserto de Atacama, no Chile, considerado o mais alto do planeta, é um deles, com as suas paisagens de formações rochosas, salinas e vulcões nevados ao longe. Ainda de noite, sai-se da cidade mais conhecida, São Pedro, para o ponto de descolagem, onde uma equipa de técnicos qualificados enche o balão enquanto os passageiros preparam o estômago com café e bolos. O melhor dos passeios de balão é que nunca se sabe qual o itinerário ou o local de aterragem, viajando-se literalmente ao sabor do vento, mas este tem uma garantia: a possibilidade de ver o nascer do sol. À chegada, aproximadamente 45 minutos depois, há pequeno-almoço com champanhe.

Onde fazer A www.easternsafaris.com organiza a experiência entre €219 e €328 por pessoa, consoante a época e o tipo de viagem.

 

Em estado selvagem

O quê Expedição para viver como um gaúcho

Onde Argentina

Antes de mais, sabe o que é um gaúcho? Este antigo cowboy sul-americano vive de forma independente e autossuficiente dos abundantes recursos naturais das "estâncias" onde se encontra. Por isso avisamos já que, se a ideia é viver como eles, a experiência será dura. Algumas das atividades incluem montar a cavalo (com o qual se faz a maior parte dos percursos), pescar, lavrar a terra e colher os respetivos alimentos, aprender a arte da serralharia, acampar sob as estrelas da Patagónia e visitar o "puesto" – pastagens para onde os gaúchos levam os seus rebanhos e gado. Saber um pouco de espanhol pode ser útil para comunicar com eles. O culminar desta viagem faz-se ao alcançar a região vulcânica adormecida do Cerro Negro.

Onde fazer A www.secretcompass.com organiza a experiência por €3631 entre 18 de fevereiro e 1 de março de 2018 para um total de dez pessoas.

 

Pegada solidária

O quê Voluntariado com desafios físicos

Onde Nepal, Índia e Vietname

Gosta de se manter ativo para onde quer que vá, ao mesmo tempo que ajuda quem mais precisa? Então estas são as viagens ideais para si. No Nepal, que em 2015 sofreu um tremor de terra, é possível ajudar a construir salas de aula na Escola Secundária Shree Manjushree, ocupando o restante período com caminhadas pela região de Gorkha. Na Índia, parte da expedição inclui trabalhar na comunidade de crianças desfavorecidas Jhamtse Gatsal, mas também descobrir as paisagens do Parque Nacional Nameri. No Vietname, pode dividir o tempo entre projetos de caridade com as diversas minorias étnicas da Indochina e percursos de trekking e caiaque para conhecer o norte do país.

Onde fazer A www.worldexpeditions.com organiza as experiências. No Nepal, realiza-se entre 25 de novembro e 12 de dezembro ou entre 17 de abril e 4 de maio por €1684. Na Índia, entre 4 e 18 de março por €3730. No Vietname, entre 13 e 22 de novembro ou 6 e 15 de novembro por €1345.

 

Frente fria

O quê Fim de semana de mergulho

Onde Oceano Ártico

Durante o inverno, o Ártico está praticamente todo coberto por gelo, pelo que se quiser mergulhar nas suas águas frias tem de o fazer durante o verão. E mesmo assim não será fácil. Até porque, para isso, vai precisar do certificado Padi Advanced Open Water Diver. Só depois poderá explorar a região, tanto à superfície como debaixo de água, mergulhando em locais como a Frobisher Bay e o rio Sylvia Grinnell, ao lado de baleias e outros animais marinhos. Em terra firme, descubra as atrações históricas, culturais e paisagísticas da cidade de Iqaluit, capital de Nunavut (Canadá), e a área protegida do Parque Sylvia Grinnell com pequenos passeios a pé.

Onde fazer A http://arctickingdom.comorganiza a experiência entre 18 e 21 de agosto por €2326. Inclui cinco mergulhos (se as condições atmosféricas o permitirem), transporte para os locais, três noites num hotel em Iqaluit, viagem de e para Otawa, refeições e guias.

 

Natureza protegida

O quê Programas de conservação da vida animal

Onde Belize, Tailândia e África do Sul

Além da ajuda humana, também há opções para quem gosta de apoiar os animais e o ambiente enquanto conhece lugares de uma beleza ímpar. É o caso do Belize e da Tailândia, onde decorrem projetos de conservação marinha que exigem a prática de mergulho (quem não tiver experiência pode aprender no local). Uma vez debaixo de água, as atividades incluem monitorizar espécies em risco, cuidar de animais doentes e limpar e reabilitar recifes de coral. Os que preferem pisos mais secos podem escolher os projetos estabelecidos em quatro reservas animais da Zululândia, na África do Sul. Esta é uma rara oportunidade para ir onde os turistas de safari não chegam, ajudando um grupo de especialistas a fazer o rastreamento e a localização diários de espécies selvagens ameaçadas, incluindo chitas e rinocerontes-negros, entre outras atividades.

Onde fazer A www.responsibletravel.com organiza as experiências: no Belize, durante cinco dias por €1166; na Tailândia, durante sete dias por €785; e na África do Sul, durante 14 dias por €1166. Os voos não estão incluídos.

 

Excursões artísticas

O quê Expedições para pintar

Onde Austrália

Se a pintura é uma das suas paixões, saiba que pode combiná-la com outra grande arte: a de viajar. O trilho Larapinta e os cumes arredondados da cordilheira MacDonnell formam uma das paisagens mais pitorescas e distintivas da Austrália. É esse um dos panos de fundo de um itinerário feito de caminhada e pausas para registar na tela e na memória os locais mais especiais. O pintor Michael Herron será o diretor artístico da expedição, fornecendo orientação aos participantes. Mais a sul, mas não menos deslumbrante, a cordilheira Flinders serve de cenário para outra viagem, onde também se avistam desfiladeiros acidentados e as cores ricas do deserto. A Moolooloo Station Area é um dos locais de pintura, mas não é aqui que vai ficar alojado: prepare-se para acampar ao longo do percurso.

Onde fazer A www.worldexpeditions.com organiza as experiências: no Larapinta Trail, durante seis dias por €2131; e nos Flinders Ranges, durante nove dias por €2250.

 

Sempre em forma

O quê Férias de fitness de luxo

Onde Espanha

Nas férias, há dois tipos de pessoa: as que passam o tempo nas espreguiçadeiras com um copo na mão e as que correm todos os ginásios de hotel (e não só), pois não conseguem ficar parados. Se se inclui no último grupo, o que se segue é para si. Até porque encontra opções para todos os gostos, já aqui ao lado, no país vizinho. Para carteiras mais recheadas, há bootcamps de luxo com sessões intensas de treino e um programa de reeducação alimentar na Costa Blanca e em Marbella. O hotel Mas Pelegri, em Girona, recebe iniciantes em ciclismo e triatlo, e os amantes da corrida podem escolher entre trilhos dos Pirenéus espanhóis ou das montanhas da Costa Blanca. Em Ibiza, organiza-se um desafio de quatro dias com bicicleta, caiaque e caminhada. Atividades mais holísticas também estão contempladas: experimente yoga e pilates numa antiga quinta na província de Alicante.

Onde fazer A www.responsibletravel.com organiza as experiências com durações que variam entre quatro e oito dias, a partir de €620.

 

Paraíso verde

O quê Ecotours dentro da Amazónia

Onde Peru

O Parque Nacional de Manu, Património Mundial da Humanidade, é uma das áreas com maior biodiversidade do planeta, abrangendo as regiões de Cusco e Madre de Dios. É lá que se realizam estas duas experiências, mais precisamente no Centro de Aprendizagem de Manu, onde também está inserido o alojamento típico, situado logo acima do rio. Num dos programas, pode aprender a cozinhar algumas das refeições mais tradicionais, usando produtos locais recém-cultivados num jardim biológico. No outro, fazem-se passeios no meio da floresta, combinando sessões de yoga dadas por um instrutor experiente e o contacto com algumas das mais incríveis paisagens naturais, para desenvolver e manter o equilíbrio pessoal.

Onde fazer A www.crees-manu.org, empresa de ecoturismo no Peru cujas receitas revertem a favor de projetos comunitários e de conservação locais,organiza as experiências: a viagem culinária dura cinco dias (a partir de €1031) e a viagem de yoga dura seis dias (a partir de €1579).

 

Elevação espiritual

O quê Escalar um vulcão

Onde Bali

Os balineses acreditam que os pontos mais altos desta ilha do Pacífico são lugares sagrados. Para eles, as montanhas e vulcões estão mais próximos do nirvana e, por isso, escalá-los é uma forma de receber bênçãos. Assim, em vez de ficar nas praias a beber cocktails e de correr todos os templos, aceite o Desafio dos Três Picos, que consiste em escalar os vulcões Mount Agung (3142 m), Mount Batur (1717 m) e Mount Abang (2151 m), em menos de 24 horas. Um pequeno (grande) pormenor: o primeiro é considerado o sexto vulcão mais perigoso do mundo… mas está adormecido há muito tempo. Prepare-se para subidas e descidas íngremes, vento, pedras soltas e a vegetação densa das florestas. No fim, reserve um dia para conhecer Bali.

Onde fazer A www.experiencetravelgroup.com organiza a experiência por €1903, incluindo duas noites de alojamento B&B numa suite do Hotel Mandapa Ritz-Carlton, refeições, equipamento, guias, transporte e voos com a Emirates.

 

Viagem no tempo

O quê Viver como um guerreiro mongol

Onde Mongólia

Genghis Khan foi um dos guerreiros mais temíveis do mundo, famoso por ter fundado o Império Mongol no século XIII. Recuemos a essa época, primeiro através de uma visita aos museus mais importantes da capital (Ulaanbaatar) e depois na própria estepe, para aprender o estilo de vida nómada dos guerreiros mongóis. À chegada, recebe o seu próprio deel, o traje tradicional ainda hoje usado fora das cidades. Segue-se um treino perto do acampamento que inclui fabricar e manusear arco e flecha, montar e laçar um cavalo, cozinhar pratos típicos, fazer diferentes nós, acender fogueiras e aprender técnicas de wrestling mongol. Também há provas de koumiss, leite de égua fermentado, e de vodka de leite. Apesar de os guerreiros de Genghis Khan já não existirem, poderá conviver com famílias cujo modo de vida pouco mudou em séculos.

Onde fazer A www.responsibletravel.com organiza a experiência durante nove dias por €3100. A próxima viagem realiza-se a 4 de setembro e não inclui voos.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!