Atualidade

Imunologista Maria de Sousa recebe prémio ciência da Universidade de Lisboa

A cerimónia visa homenagear nomes que tenham contribuído para o progresso da Ciência, da Cultura e para a projeção de Portugal no mundo.
Por Marta Carvalho, 13.11.2017

Aos 77 anos, a imunologista Maria de Sousa foi escolhida pelo júri do Prémio Universidade de Lisboa 2017 para receber o prémio Ciência, que será entregue hoje. A cientista portuguesa foi professora catedrática de imunologia no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar no Porto, entre 1985 e 2009, ano da sua jubilação, e antes licenciara-se em 1963 na Faculdade de Medicina de Lisboa. Nos anos 60, fez um trabalho sobre a distribuição dos linfócitos T nos mamíferos, que conseguiu explicar o fenómeno de migração dos linfócitos do timo e da medula para os órgãos linfoides periféricos. Esta descoberta foi determinante tanto para o seu percurso profissional como para o conhecimento da especialidade.

António Cruz Serra, reitor da Universidade de Lisboa e presidente do júri, explica que a entidade escolheu distinguir "uma das primeiras mulheres portuguesas a serem reconhecidas internacionalmente pelas suas descobertas científicas" que, além de respeitada e estimada na comunidade científica, é também uma humanista que cultiva o gosto pelas artes, pela história e pela poesia.

O Prémio Universidade de Lisboa, no valor de 25 mil euros, tem como objetivo distinguir o mérito daqueles que tenham contribuído de forma notável para o progresso da Ciência, da Cultura e para a projeção de Portugal no mundo. A cerimónia realiza-se hoje, no Salão Nobre da Reitoria, pelas 17h00.

 

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!