Atualidade

António Costa pede a Graça Mira Gomes para chefiar secretas

O nome da embaixadora acaba de ser enviado por António Costa à Assembleia da República. Graça Mira Gomes vai assumir funções como nova secretária-geral do Sistema de Informações da República.
Por Carlota Morais Pires, 04.09.2017

De acordo com uma notícia acabada de publicar pelo jornal Público, Graça Mira Gomes é a nova secretária-geral do Sistema de Informações da República Portuguesa (SIRP). Desde 2015 que Mira Gomes está colocada em Viena, no cargo de embaixadora portuguesa junto da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE). Ainda antes esteve em Bruxelas, na Representação Permanente de Portugal junto da União Europeia (Reper), onde trabalhou como representante no Comité de Políticas de Segurança (Cops) da UE.

Ao aceitar o cargo de secretária-geral do SIRP, Graça Mira Gomes substituirá Júlio Pereira, que desde 2005 dirigia as secretas portuguesas. Júlio Pereira terá pedido para sair logo que o actual Governo tomou posse.

Ainda de acordo o jornal Público, o objetivo principal de António Costa é ultrapassar (isto é, lançar para o esquecimento) a polémica instaurada em maio deste ano, quando o atual primeiro-ministro indicou o embaixador Pereira Gomes para o cargo - que acabou por se declarar indisponível, por ter sido posto em causa o seu desempenho quando, em 1999, chefiou a Missão de Observação Portuguesa ao Processo de Consulta da ONU em Timor Leste.

Partilhar
Ver comentários
Últimas notícias
A Máxima recomenda
Vídeos recomendados
Outras notícias Cofina
0 Comentários
Subscrever newsletter Receba diariamente no seu email as notícias que selecionamos para si!